Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Márcio Matos
Márcio Matos
13 Fev, 2020 - 15:13

Ilha de Capri: casa da gruta azul em paisagens de tirar o fôlego

Márcio Matos

Já ouviu falar da ilha de Capri? Saiba que este é um destino de clima ameno e ótimo de visitar em qualquer altura do ano. Vá até lá e surpreenda-se!

A Gruta azul na ilha de Capri

A ilha de Capri tem uma dimensão pequena, estando dividida em duas “vilas”, Capri e Anacapri, e dois portos, Marina Piccola e Marina Grande. Apesar de poder e dever ser visitada em qualquer altura do ano, é certo que em abril, maio, setembro e outubro encontra bom tempo e um número controlado de turistas.

A ilha de Capri é o destino certo para quem viaja com amigos, mas também para quem viaja em família, com filhos ou sozinho. É também o destino indicada para quem ama Natureza, assim como para quem não resiste a edifícios históricos. Isto, porque a ilha de Capri tem de tudo um pouco, sempre banhada pelo mar imenso, cor de esmeralda!

Tudo o que tem de ver, fazer e comer na ilha de Capri

GRUTA AZUL

Tratam-se de umas grutas são naturais, com cerca de 60 metros de comprimento e 25 metros de largura. Se fizer um tour de barco pela ilha tem a opção (de pagar) e de entrar dentro desta rocha natural. Os raios de luz que vão entrando no interior da gruta são fantásticos e dão incríveis reflexos azuis ao mar. Um dos grandes encantos de Capri.

Panorâmeica da gruta azul em Capri

FARAGLIONI

Esta é a designação de três rochas (com cerca de 100 metros de altura) que ficam no mar, a metros da costa. Cada um desses rochedos tem o seu próprio nome (Stella, Faraglione di Mezzo e Faraglione di Fuori), o que revela a sua importância para a ilha. A sua beleza é absolutamente ímpar.

PRAIA

Claro que o porto da ilha de Capri também deve ser usufruído ao máximo e uma boa maneira de o aproveitar banhar-se nas suas águas e vivenciar ao máximo toda a beleza natural e o ambiente fabuloso.

TELEFÉRICO

Para quem não tem medo de alturas, fazer uma viagem de teleférico é uma extraordinária forma de ficar a conhecer Capri, desde as suas vistas e paisagens às suas ruas estreitas que têm tantos encantos guardados.

LA PIAZZETTA DE CAPRI – PIAZZA UMBERTO I

Não se deixe enganar pelo nome. Na verdade, esta é uma praça bem pequena, mas muito emblemática da ilha. Além das vistas incríveis, aí não faltam lojas típicas e bons restaurantes que vale muito a pena experimentar e ficar a conhecer.

VIA CAMERELLE

As ruas da ilha de Capri ora são estreitas e pequenas, ora são cheias e glamourosas. É este o caso da via Camerelle, onde pode visitar várias lojas luxuosas e conhecer hotéis e mansões de sonho que encantam, mesmo que só vistos do exterior.

Roteiro no sul de Itália: 8 dias inesquecíveis
Veja também Roteiro no sul de Itália: 8 dias inesquecíveis

JARDINS DE AUGUSTUS

Apesar de ser preciso pagar para entrar neste jardim, garantimos que vale a pena, não importa se viaja sozinho, com amigos ou em família. O espaço é belíssimo e super agradável e guarda ainda maravilhosos segredos, como as vistas sobre os Faraglioni de Capri e a Via Krupp na Marina Piccola.

Rochas em capri

ARCO NATURALE

Este é um arco natural de 12 metros que está 18 metros acima do mar. Ele “pertence” a uma cavidade subterrânea que submergiu há milhares de anos. Atualmente, serve de ponte e através dele tem-se uma vista incrível sobre o mar.

ANACAPRI

Para quem gosta de algum sossego e de locais ainda pouco explorados, Anacapri é o destino certo. Situada do outro lado da ilha, esta vila é conhecida pelas suas ruas estreitas e tranquilas que lhe dão um charme único. A partir desta vila charmosa também consegue vistas de tirar o fôlego.

MONTE SOLARO

Bem vindo ao ponto mais alto da ilha, a nada mais, nada menos, do que 589 metros acima do nível do mar. A partir deste ponto, as vistas são imperdíveis. Daqui avista-se a ilha de Capri, o vulcão Vesúvio, o golfo de Nápoles, a península Sorrentina, as montanhas da Calábria, os Apeninos e a costa Amalfitana.

visto do monte solaro

VILLA SAN MICHELE

Esta villa é um projeto de Axel Munthe, médico e escritor sueco, que construiu uma casa sobre os vestígios de uma antiga capela dedicada a San Michele. Além do edifício, há peças com valor arqueológico para conhecer, como uma tumba grega ou uma esfinge de granito.

CASA ROSSA

Uma casa vermelha da responsabilidade do americano John Cay H. Mackowen. Além da fusão de estilos arquitetónicos, no interior da casa pode visitar um exposição permanente sobre a Capri dos séculos XIX e XX.

IGREJAS

A igreja de San Michele é uma igreja barroca datada do século XVIII e uma atração na ilha de Capri. O seu interior é deslumbrante, muito conhecido pela sua cruz grega e mosaico de Adão e Eva no Paraíso. A igreja Santa Sofia foi construída em 1510 e fica na Via G. Orlandi. À semelhança do exemplo anterior, trata-se de um edifício interessante e com vários atrativos.

CERTOSA DI GIACOMO

Este convento fica nas encostas de Capri e a sua construção vai do século XIV ao renascimento italiano. Os frescos da igreja principal e o claustro renascentista são as suas principais atrações.

marina de capri

TRILHO DE PIZZOLUNGO

Quem gosta de caminhar, pode e deve seguir a Via Tragara até chegar ao Trilho de Pizzolungo. Por aí vai passar pelo Arco Natural e poder usufruir dos melhores miradouros de Capri. São 3kms de vistas espetaculares de Natureza em estado puro.

GASTRONOMIA

Claro que em Capri não faltam as boas pastas! É obrigatório provar o raviolli de Capri, recheado com queijo parmesão; ou comer a insalata caprese, com tomate, queijo mozzarella, manjericão e azeite. Para sobremesa, peça uma torta caprese, com chocolate e amêndoas. Acompanhe tudo com limoncello gelado, um licor de limão siciliano.

Veja também