Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
André Freitas
André Freitas
16 Set, 2020 - 10:52

Intercooler: o que é, para que serve e como funciona este componente?

André Freitas

O intercooler é uma das peças mais importantes num motor turbo-alimentado. Entenda o seu funcionamento e conheça a importância deste componente.

Intercooler

Com as cada vez maiores restrições às emissões de gases poluentes, o downsizing dos motores é uma realidade cada vez maior. Se outrora era frequente encontrarmos automóveis com cilindradas 1.9, 2.0 ou 2.2, hoje em dia, esses mesmo motores utilizam mais modestos 1.2, 1.5 ou 1.6.

E qual é a forma de fazer com que estes pequenos motores produzam a mesma, ou até mais, potência do que os seus antepassados? Recorrendo à sobre-alimentação. Mais concretamente, adicionando turbos.

E é nesta etapa que importa saber o que é o intercooler e qual a sua função, uma vez que se trata de um dos principais componentes de um carro turbo-alimentado.

Neste artigo explicamos exatamente como funciona um Intercooler, que tipos de intercooler existem, as principais vantagens e desvantagens de cada um e até quais são as avarias mais frequentes e os custos de reparação.

Intercooler: tudo o que precisa saber sobre este “radiador”

Motor

O que é e para que serve o intercooler?

O Intercooler tem um aspeto semelhante ao de um radiador. E o princípio base é o mesmo: o arrefecimento.

O Intercooler tem como função arrefecer o ar comprimido pelo turbo ou supercompressor, antes deste entrar nos cilindros do motor.

Para isso, existem dois tipos de Intercooler:

  • Intercooler do tipo ar/ar, sendo o tipo de Intercooler mais comum no mercado, no qual é utilizado o ar exterior (à temperatura ambiente) para arrefecer o ar antes deste entrar nos cilindros.
  • Intercooler do tipo ar/água, no qual é utilizada água para arrefecer o ar proveniente do turbo ou supercompressor. Estes Intercoolers são mais pequenos e, portanto, ideais para carros mais compactos. Contudo, são também mais caros e complexos.

Para um funcionamento correto, idealmente o Intercooler é colocado na dianteira do veículo, por trás da saída de ar. Desta forma é maior a quantidade de ar disponível.

Contudo, nem sempre é possível colocar o Intercooler neste local, devido às características do veículo.

Como funciona o Intercooler?

O ar comprimido pelo turbo ou supercompressor atinge temperaturas extremamente elevadas, na ordem do 600 e 800 graus centígrados.

A estas temperaturas, o ar é pouco denso e contém, por isso mesmo, pouco oxigénio. Quanto mais denso o ar (e com mais oxigénio), mais potência terá o veículo.

Assim, o Intercooler recebe o ar comprimido pelo turbo e compressor, arrefece-o utilizando o ar ambiente (ou água) e envia-o para os cilindros do motor a uma temperatura que permite o funcionamento ideal do motor.

Quais as avarias mais frequentes e quanto custa reparar um intercooler?

Reparar um intercooler pode ter um custo bastante variável.

O tipo de reparação necessária pode ir desde a reparação de uma pequena fuga de ar até à necessidade de substituição de componentes que apresentam desgaste, como a estrutura do isolamento do Intercooler.

De qualquer forma, o custo da reparação vai depender do problema associado à necessidade da mesmo e ao preço dos componentes do Intercooler.

Alguns Intercoolers custam menos de 100€. Outros custam várias centenas de euros. E a isto é preciso somar o custo da mão de obra.

A necessidade de reparação pode ser uma boa altura para decidir se deve reparar, substituir pelo mesmo modelo, ou fazer um upgrade no Intercooler do automóvel.

O meu carro não tem Intercooler. É legal colocar um?

Turbo

A legalidade da inclusão de um Intercooler num carro é discutível. Isto porque todas as alterações ao veículo requerem a aprovação do fabricante e do IMT.

Assim, se quiser incluir um intercooler no seu automóvel, faça-o de forma legal, requerendo autorização junto do IMT. Se não o fizer, poderá ter que pagar uma multa que pode chegar aos 1.250€.

O outro problema associado à inclusão de um Intercooler é que, geralmente, esta vem acompanhada de uma reprogramação da centralina (o que também é ilegal).

Esta reprogramação permite otimizar o desempenho do motor ao aumentar a potência e diminuir o consumo de combustível do automóvel.

Veja também