Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Nuno Margarido
Nuno Margarido
27 Jul, 2018 - 17:34

Como observar o eclipse lunar de hoje

Nuno Margarido

O maior eclipse lunar do século terá lugar no dia 27 de julho e irá durar cerca de uma hora e 40 minutos. Saiba como observar o eclipse lunar e guardar mais um momento único.

Como observar o eclipse lunar de hoje

É já esta sexta-feira, dia 27 de julho, que terá lugar o maior eclipse lunar do século. Um momento para o qual vale a pena guardar algum tempo – até porque terá uma duração de uma hora e 40 minutos – e que merece ser visto e revisto. Até porque não será um eclipse qualquer… será um eclipse total, criando a conhecida “lua de sangue”. Aqui ficam algumas dicas para saber como observar o eclipse lunar.

Como observar o eclipse lunar

O melhor lugar para observar o eclipse lunar é num lugar sem grande poluição luminosa: junto à praia, por exemplo. E não é preciso escolher o norte, o centro ou o sul… será visível a partir de qualquer lado. A lua vai nascer avermelhada às 20h40 horas na zona sul e às 20h50 horas na zona norte.

A totalidade do eclipse terminará por volta das 22h15 e o eclipse irá terminar por volta das 23h20. Ao contrário do eclipse solar, o eclipse lunar não exige a utilização de óculos especiais. Muito pelo contrário, é até possível usar binóculos para ver melhor o fenómeno.

Porque é que esta ocasião é especial

O eclipse lunar que terá lugar no dia 27 de julho será especial pelo facto de ser o mais longo do século. O mais longo porque, segundos os especialistas, é tudo uma questão de geometria.

O que é um eclipse lunar

Um eclipse acontece quando o sol, a terra e a lua se alinham. Há, contudo, dois eclipses distintos: o solar e o lunar. O eclipse lunar tem lugar quando a terra se coloca no caminho da luz solar, limitando a chegada desta à lua. Como consequência, a lua acaba por ficar mais escura e assume uma cor pouco habitual…

O que é uma “lua de sangue”

Uma “lua de sangue” é assim conhecida porque a lua assume uma cor avermelhada ou alaranjada. E acaba por ganhar essa cor porque nunca desaparece por completo… Segundo os especialistas, apesar de a lua se colocar por completo na sombra criada pela terra, a luz ainda incide de forma mínima na superfície da lua, devido ao reflexo criado pela atmosfera da terra.

A NASA chegou até a divulgar uma ilustração que simulava a observação do eclipse a partir da lua… e o que é que acontecia? Aparecia a terra, rodeada por um “anel” vermelho.

Veja também: