Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
09 Jun, 2020 - 11:45

Remodelar a casa: saiba quanto terá de gastar

Mónica Carvalho

Remodelar a casa implica gastos, mais ou menos elevados, de acordo com as obras e escolhas feitas. Damos-lhe algumas dicas para ajudar neste processo.

remodelar a casa

Remodelar a casa é algo necessário por vários motivos, não só para renovar o lar, mas também para corrigir e retificar alguns problemas que possam colocar em causa a qualidade de vida dos habitantes e a qualidade do imóvel.

Porém, bem sabemos que só de pensar no assunto poderá ficar imediatamente preocupado, não só pelo trabalho que terá, mas também pelo dinheiro que gastará. Mas deve pensar que são dias difíceis que antecipam uma casa mais bonita, mais confortável, com pormenores que poderão ajudar a poupar dinheiro. Tudo isto, no fim, ajudarão a que se sinta mais feliz.

Por isso, se o seu lar já não lhe enche as medidas ou está a precisar de uma mudança, colocar “remodelar a casa” na sua lista de tarefas. Veja como podemos ajudar.

O que significa remodelar a casa?

renovar casa

Se está a pensar remodelar a casa, certamente está a ser assombrado por uma série de questões, como por exemplo, o que será necessário? Quanto tempo vai demorar a remodelação? E, acima de tudo, quanto vai custar?

Mas, antes de avançar para os custos, importa perceber o que implica (e significa) esta decisão. Isto porque, em muitos casos, o conceito de remodelação é confundido com reconstrução.

Ainda que os dois termos posam estar relacionados, remodelar a casa assume-se como um processo mais simples. Exige menos obras do que uma reconstrução, onde se procede à reedificação do local, isto é, partindo paredes ou mudando divisões de locais, por exemplo.

Nesse sentido, quando falamos em remodelar a casa, referimo-nos a alterações no layout das divisões, como modificar o tamanho ou disposição, e introduzir melhorias na casa. Uma nova pintura ou a colocação de papel de parede, a substituição do pavimento, a renovação da canalização ou do sistema elétrico, são exemplos de remodelações que pode fazer em casa, com o objetivo de fomentar a harmonia, funcionalidade e conforto do seu lar.

Quanto custa remodelar a casa?

Avaliar os custos totais de uma remodelação depende de vários fatores. A começar pelas áreas a remodelar, incluindo também as especificações da remodelação, os materiais usados ou os profissionais que necessita de contratar, por exemplo.

Para poder estimar quanto lhe vai custar remodelar a casa, deve ter em conta fatores como: a dimensão do projeto, os materiais selecionados, as áreas a remodelar, os acabamentos escolhidos ou o número de profissionais (eletricistas, canalizadores, pintores, marceneiros, etc.) que poderá necessitar de contratar.

Para ser mais simples perceber os valores envolvidos, vamos avançado, divisão a divisão. Tome nota.

Sala

Se não forem necessárias obras de reabilitação, a renovação da sala pode ser bem económica. Nesse sentido, nas salas de estar, geralmente opta-se por mudar os móveis, os objetos decorativos, trocar o sofá, pintar paredes ou adicionar papel de parede, tornar o local mais luminoso, seja através de técnicas de iluminação artificial, seja por um melhor aproveitamento da iluminação natural, que é a medida mais sustentável e que lhe irá permitir, a curto prazo começar a poupar dinheiro da conta da eletricidade, mas também nas medidas de aquecimento da casa, nos dias mais frios.

Assim sendo, as opções pessoais dos habitantes e as necessidades de cada casa é que vão mesmo fazer toda a diferença. Por isso, o seu orçamento poderá ir de 150€, se apenas desejar renovar os objetos decorativos e almofadas do sofá, aos 2.500€ se essa renovação implicar a mudança de mobiliário.

Cozinha

É a divisão cuja renovação implica um maior investimento, se tivermos em conta que obras aprofundadas podem implicar a mudança de canalização, substituição de eletrodomésticos, pavimentos e móveis.

Com isto, facilmente, poderá ultrapassar os 7.000€, se optar por cozinhas pré-feitas e que não sejam construídas à medida, pois isso irá aumentar ainda mais o valor a investir numa cozinha nova.

Contas aproximadas, o seu dinheiro poderá ser repartido da seguinte forma:

  • Móveis novos (incluindo bancada): 3.000€
  • Substituir chão: 1.000€
  • Renovar paredes: 1.000€
  • Trocar eletrodomésticos: 2.000€

Este é um valor que depende, igualmente, do tamanho da cozinha e do número de intervenções a realizar. Por isso, se quiser renovar a cozinha, apenas no sentido de torná-la mais moderna e prática, poderá abdicar da mudança de móveis ou azulejos, ou eventualmente pintá-los na cor que desejar. Só isto é uma poupança considerável: poderá gastar menos 4.000€.

Caso deseje também substituir os eletrodomésticos, porque se encontram avariados, não funcionam bem ou gastam muita energia, então, opte por um investimento um pouco mais avultado para algo que o fará poupar no futuro, isto é, opte por equipamentos mais eficientes e que consumam menos.

Quarto

Ao remodelar o quarto pretende-se que essa divisão seja transformada num santuário de conforto e bem-estar, que lhe permita relaxar confortavelmente no final de cada dia.

Tendo essa premissa em conta, também poderá não gastar uma fortuna quando optar por uma desejada renovação no quarto, considerando, principalmente, que a maioria já tem guarda-roupa embutido e, nesse sentido, é um gasto a menos – quanto muito poderá alterar a disposição das prateleiras, barras para cabides e gavetas.

Por isso, atente onde poderá gastar o dinheiro:

  • Organização de guarda-roupa: 100€
  • Mobiliário (cama, mesinhas de cabeceira, cómoda): 1.500€
  • Decoração (incluindo têxteis): 500€
  • Pinturas: 300€

Por isso, confira o seu orçamento, aponte as suas necessidades e deite mãos à obra.

Casa de banho

A remodelação profunda de uma casa de banho pode ser quase tão dispendiosa como, por exemplo, a cozinha. Mas, mais uma vez, poderá apenas dar uma melhoria ao espaço, apostando em aspetos de design e decoração que darão um novo mood ao espaço, como trocar as torneiras, os acessórios e tapetes. Com isto, poderá ter de gastar cerca de 300€.

Todavia, se estivermos a falar de uma remodelação mais completa, com troca de revestimentos e louças de casa de banho, então, prepare a carteira: serão necessários cerca de 2.500€ mudar o chão, as paredes, sanita, duche ou banheira e lavatório, com respetivo móvel.

Ainda assim, este valor poderá ser mais elevado se for necessário mudar ou corrigir aspetos de canalização. Para isso, o ideal será solicitar um orçamento junto de um profissional da área, que avaliará toda a situação.

Remodelação de exteriores

Se possui varanda ou terraço, então, deve também considerar a renovação do exterior da casa. Cada vez mais estes são espaços necessários para relaxar e descontrair ao ar livre, algo que muitos portugueses desejaram durante o período de confinamento.

Entre comprar apenas umas cadeiras, mesa e plantas, para espaços mais pequenos, e sofá, jardim e pavimento para espaços de maiores dimensões, tanto pode gastar entre 200€ a 1.500€.

obras na cozinha

Remodelar a casa: como poupar dinheiro?

Ao contratar diversos profissionais individuais para realizar diferentes trabalhos, pode acabar por gastar mais. Portanto, se precisa de uma remodelação total, uma forma de poupar dinheiro ao fazer obras em casa, será contratar um empreiteiro que possa executar o projeto na totalidade. Dessa forma, o profissional pode apresentar-lhe algumas alternativas mais em conta.

Além disso, se se tratar de pequenas alterações, não precisa de gastar dinheiro com mão de obra. Mesmo que ache que não tem jeito nenhum para decoração, perca algum tempo a visitar páginas de Pinterest de decoração, a ver blogues temáticos e a folhear revistas da área. Isso irá permitir retirar ideias e, de facto, confirmar o que vai de encontro ao que mais gosta e ao que pode gastar.

Veja de que mais formas pode poupar dinheiro ao renovar a casa.

Renovar o chão

O chão em madeira ou material deste tipo acaba por ser o mais adequado para um melhor isolamento térmico. A tijoleira é mais fria e poderá obrigar a gastos superiores em aquecimento nos períodos de outono e inverno.

Por isso, se tem chão de madeira e o mesmo se encontra desgastado, não pense que precisa de substituir, porque, muitas vezes, o tratamento certo poderá transformar o chão por completo e fazê-lo passar por completamento novo.

Substituição de janelas

Esta é também uma forma de poupar dinheiro na renovação da casa, ainda que possa ser um investimento elevado, que dependerá do número de janelas em casa e da dimensão das mesmas.

Ainda assim, mesmo que tenha de gastar cerca de 200€ por janela, é dinheiro bem gasto pela poupança térmica que permite, bem como pelo conforto acústico que proporciona.

Pintura

Mudar a cor das paredes é, provavelmente, a forma mais simples e imediata de renovar a casa. Nesse sentido, se tiver algum tempo livre e paciência, então, por que não o fazer você mesmo? É uma forma de poupar dinheiro com a subcontratação de serviço.

Entre materiais necessários para a pintura, proteção do mobiliário existente no espaço, e produtos para corrigir eventuais buracos na parede, estamos a falar num gasto que rondará os 300€.

Faça as contas

Para ter uma ideia mais aproximada de quanto poderá gastar, porque cada casa tem as suas especificidades, além de solicitar orçamentos a profissionais, existem simuladores online que poderão dar uma resposta mais direcionada.

Mais uma vez, ressalvamos que os valores apresentados são meramente representativos e de aproximação às necessidades básicas de uma casa. Logo, se decidir renovar a casa tenha isso em atenção e confira diferentes orçamentos, para encontrar a proposta que mais se adequa a si e às suas possibilidades.

Veja também