ebook
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Prático e Descomplicado
André Freitas
André Freitas
28 Jan, 2021 - 14:52

Filtro de combustível entupido: como evitar e quando mudar

André Freitas

Sabe quais são os sinais de que o filtro de combustível está entupido? Quer algumas dicas para evitar problemas com o filtro? Descubra tudo aqui.

mecânico a mudar o filtro de combustível entupido

Um filtro de combustível entupido pode ser uma verdadeira dor de cabeça. Por ser um componente essencial no automóvel, é necessário ter especial atenção ao seu estado de conservação.

Devido ao próprio processo de produção, transporte e armazenamento do combustível, este acaba por ficar contaminado com impurezas.

Caso estas impurezas atinjam determinados componentes do automóvel, estas podem causar danos no mesmo, que por sua vez podem significar despesas financeiras elevadas.

Para que isto não aconteça, neste artigo irá encontrar informação útil sobre o filtro do combustível: o que é, função, os sinais que indicam que está entupido e como pode prevenir este entupimento.

O que é e para que serve o filtro do combustível

O filtro de combustível é um componente que fica localizado entre o depósito de combustível e o motor, e assemelha-se a um cilindro.

A função do filtro de combustível é, como o próprio nome indica, filtrar as impurezas que estão presentes no combustível, para assim proteger o motor.

Quando o filtro do combustível fica entupido com as impurezas filtradas, o desempenho do automóvel fica comprometido. Tal pode conduzir a um aumento no consumo de combustível e pode também danificar outros componentes do veículo.

Para além de garantir um correto desempenho do motor, o filtro de combustível ajuda a preservar os seus componentes, nomeadamente a bomba de injeção. Contribui igualmente para controlar os níveis de emissão de gases poluentes. 

Contudo, ao longo do tempo, o filtro de combustível fica entupido, acabando por dificultar a passagem do combustível. Quando isto acontece, e para evitar evitar danificar outros componentes, é necessário substituí-lo.

Como se consegue perceber, o filtro de combustível é essencial nos carros a combustão.

Função do filtro de combustível

O combustível entra numa das pontas do cilindro, é filtrado no seu interior, e sai na outra ponta entrando depois no motor já livre de resíduos.

Alguns dos resíduos que podem ser encontrados no combustível são:

  • Contaminantes orgânicos presentes no processo de refinação;
  • Poeiras e ferrugem;
  • Água (presente, muitas vezes, no próprio depósito de combustível).

Estes resíduos podem contaminar o combustível em qualquer momento, nomeadamente no processo de produção, transporte ou armazenamento. São, também, altamente prejudiciais para o motor do carro.

Para além disso, quanto mais puro o combustível que entra no motor, mais eficaz será a combustão, o que significa um melhor aproveitamento do combustível disponível. 

Resumindo, a função do filtro de combustível é filtrar o combustível e proteger o motor e outros componentes do automóvel.

pessoa a ver filtro de combustível

Dicas para evitar o entupimento do filtro

Para evitar o entupimento do filtro de combustível são necessários alguns cuidados. Alguns desses cuidados passam pela verificação do estado do filtro de combustível a cada 10.000 quilómetros, ou em periodicidade recomendada pelo fabricante.

Se verificar o estado do filtro com regularidade, evita a necessidade de reparações e ainda mantém o carro eficiente, evitando um aumento no consumo de combustível.

Além disso, também se recomenda que abasteça o carro com combustível de qualidade.

Para além da qualidade do combustível recomenda-se que ainda que ateste o depósito do carro e que evite andar com o mesmo na reserva.

As impurezas tendem a ser mais pesadas do que o combustível, acumulando-se no fundo do depósito. Como tal, quanto mais combustível tiver o depósito, mais longe ficam as impurezas do filtro.

Ao mesmo tempo, também previne o surgimento da ferrugem no depósito que pode surgir e que se junta, inevitavelmente, às outras impurezas.

4 Sinais de um filtro de combustível entupido

São vários os sinais que podem indicar a necessidade de entupimento do filtro de combustível. Os principais são:

  1. Dificuldades no arranque do carro: se o combustível não entra no motor nas condições ideais, vai sentir o motor a falhar;
  2. Dificuldades em acelerar: se, quando em circulação, sentir que carrega no pedal de aceleração e o carro não acelera como expectável, isto significa que o combustível não está a entrar em quantidade suficiente no motor. Para evitar aquelas nuvens de fumo preto que saem pelo cano de escape (e outros danos), deve-se verificar o estado do filtro de combustível o mais rapidamente possível;
  3. Desempenho irregular do automóvel: se o automóvel circula como que “aos solavancos” e parece não responder corretamente aos seus comandos, este é também um sinal de que o combustível não está a passar corretamente pelo filtro;
  4. Ferrugem no depósito de combustível: a ferrugem pode causar danos no sistema de injeção do carro. Assim, se detetar que o depósito tem ferrugem, deve substituir o filtro de combustível o mais rapidamente possível. Para além disso, e para evitar que o depósito fique com ferrugem, deve atestar sempre o depósito, e não abastecer aos poucos de cada vez.

Quando é preciso mudar o filtro

O filtro deve ser verificado e substituído com regularidade. Deve, portanto, seguir as recomendações do fabricante. Caso estas não existam ou não sejam explícitas, os filtros devem ser mudados a cada 10.000 quilómetros.

Se suspeitar que o filtro possa estar entupido, dirija-se a um mecânico com a maior brevidade possível. Antes de o substituir, deve procurar ter a certeza de que tal é necessário.

As substituições de prevenção, ou periódicas, irão ajudar a preservar o motor do seu automóvel. Para além disso, garante que não surgem problemas noutros componentes do automóvel. Assim, evitará eventuais reparações que podem ser bastante dispendiosas.

Veja também

Aviso Legal

O Ekonomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O Ekonomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected].