ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Inês Silva
Inês Silva
10 Mai, 2022 - 17:55

Saiba quais as soft skills fundamentais para o sucesso profissional

Inês Silva

Nem só as competências técnicas o ajudam a alcançar o sucesso. Há também um conjunto de soft skills fundamentais que deve possuir.

soft skills fundamentais

Longe vão os tempos em que lhe bastava ter um bom leque de competências técnicas. Os tempos mudaram e com eles as exigências do mercado de trabalho e, atualmente, espera-se mais de um profissional do que os seus conhecimentos técnicos. Falamos das soft skills fundamentais para o bom desempenho profissional.

Ao contrário das hard skills que são um conjunto de competências técnicas necessárias para realizar uma determinada função, as soft skills caraterizam-se por competências pessoais e pertencem ao grupo dos requisitos comuns a todos os empregos. Ou seja, são as características que qualquer recrutador procura num candidato.

Estas competências pessoais têm vindo a ganhar cada vez mais destaque no mercado de trabalho, pois de nada lhe servirá a competência técnica se não for capaz de trabalhar em equipa, por exemplo.

As soft skills incluem, entre outras, a capacidade de comunicação, escuta e empatia. E, ainda que os conhecimentos técnicos sejam necessários, a maioria dos empregadores procura estas competências sociais em todos os candidatos ou colaboradores.

Apesar de mais difíceis de definir e avaliar, as soft skills, tal como as hard skills, também podem ser desenvolvidas. Continue a ler e saiba quais as competências pessoais que deve desenvolver para o sucesso profissional.

10 soft skills fundamentais que o vão conduzir ao sucesso

Já aqui falamos das soft skills e da sua importância no mercado de trabalho. Mas para quem não está familiarizado com o termo, falamos de um conjunto de competências sociais e comportamentais que permitem criar boas relações interpessoais e melhorar o desempenho profissional.

E desengane-se se pensa que as soft skills têm um papel secundário em contexto laboral. De facto, para quem procura trabalho estas podem ser tão importantes como as competências técnicas, ou hard skills, e assumem um papel de destaque no seu sucesso profissional. E é fácil de ver porquê.

Às empresas interessam candidatos que tenham conhecimentos para desempenhar as tarefas que lhes forem confiadas, mas que sejam capazes – em simultâneo – de se relacionar com facilidade com os colegas e que fomentem o bom ambiente de trabalho que, em última instância, tem um forte impacto sobre o desempenho e produtividade dos colaboradores.

soft skills resiliência

Entre as soft skills fundamentais, as empresas elegem as seguintes:

1

Jogador de equipa

Não é novidade ou não fosse uma presença constante em quase todas (se não mesmo todas) as ofertas de emprego. Mas não se trata apenas de ser cooperante e saber trabalhar em equipa; mas também de revelar (se e quando necessário) capacidade de liderança, o que implica não só ser capaz de orientar, mas também motivar a equipa, por exemplo.

É importante “trabalhar” a empatia, saber escutar e saber colocar-se no lugar do outro para uma melhor colaboração nos objetivos comuns.

2

Flexibilidade

É uma das qualidades mais valorizadas pelas empresas, que procuram colaboradores que sejam capazes de se adaptar a diferentes circunstâncias ou cenários e que saibam gerir e aceitar as mudanças.

Podemos falar aqui da inteligência emocional que engloba a capacidade de reconhecer e avaliar os seus sentimentos e os dos outros, bem como a capacidade de lidar com eles.

3

Comunicação eficaz

É fundamental. Neste caso implica mais do que saber comunicar ou transmitir as suas ideias de forma clara e inequívoca; significa também ser capaz de ouvir, por exemplo.

4

Capacidade de resolução de problemas

No fundo, completa as anteriores soft skills fundamentais. Ou seja, para as empresas é importante que os seus colaboradores saibam assumir a liderança quando necessário e que sejam “engenhosos” o suficiente para procurar soluções para problemas ou obstáculos que possam ir surgindo.

Ter a capacidade de analisar o problema e, para além de procurar soluções, estar disposto a encontrar melhorias.

5

Aceitar o feedback

Ou seja, as críticas, sejam elas positivas ou negativas e, acima de tudo, que saibam aprender com elas e usem esse conhecimento para melhorar e evoluir profissionalmente.

6

Confiança

No “reino” das soft skills esta é uma das mais importantes. Falamos da confiança para acreditar nas suas competências e capacidades ou ser capaz de apresentar e defender as suas ideias ou projetos. A confiança acaba por complementar todas as anteriores. É através dela que vai ser capaz de assumir a liderança quando necessário, de comunicar eficazmente ou lidar com as críticas de formas positiva e construtiva, por exemplo. Mas atenção: é importante estabelecer uma barreira entre a confiança e a arrogância.

7

Pensamento criativo

Pode ser considerado um bónus às anteriores soft skills fundamentais. O pensamento criativo é uma competência muito valiosa para as empresas, já que está na origem da inovação e da eficiência.

8

Competências de organização e gestão de tempo

Para alcançar os objetivos profissionais desejados é importante que defina metas e aprenda a estabelecer prioridades, ou seja, planeie o seu tempo de trabalho. Escrever listas com as tarefas diárias, tendo em conta as suas prioridades, são uma grande ajuda.

Se for mais produtivo de manhã, faça as tarefas mais complexas nesse período e vá riscando da lista para manter a sua motivação até ao final do dia.

Mantenha o seu local de trabalho arrumado e tenha por perto o material ou documentos que necessita com mais frequência.

9

Proatividade

Ter uma atitude proativa e ser capaz de identificar objetivos e obstáculos, é uma caraterística que valoriza qualquer profissional, seja qual for a função.

Faça por ser proativo na sua vida profissional e, se está à procura de emprego, coloque esta competência no seu currículo.

10

Atitude positiva

Ter uma atitude positiva será benéfico para si e também vai motivar quem o rodeia. Profissionais com esta atitude são mais produtivos e eficazes porque colocam todo o entusiasmo no seu desempenho para atingir metas e objetivos.

E então, tem as soft skills fundamentais?

Se não tem, trate de ter. Sim, porque estas competências podem ser trabalhadas e desenvolvidas:

  • Conheça-se a si próprio e descubra quais as soft skills que precisa desenvolver.
  • Alinhe as suas expectativas com o que é esperado em relação à sua função e à sua trajetória na organização para saber o que precisa de melhorar.
  • Invista na cultura do feedback e pratique a comunicação assertiva.
  • Treine a escuta e reflita sobre o que outros dizem, mostre que está realmente interessado no que os seus colegas têm para dizer.
  • Arrisque em novos projetos e ponha o seu conhecimento e capacidade de adaptação à prova.
  • Tenha disciplina e resiliência porque, tal como uma competências técnica, estas também necessitam de tempo e prática para serem desenvolvidas.
  • Mantenha a vontade de aprender, o desenvolvimento de soft skills é contínuo e pode ser aprimorado com cursos e aulas voltadas para as competências pessoais.
Veja também