Inês Silva
Inês Silva Com Catarina Milheiro
06 Mai, 2021 - 11:06

Tendências no mercado de trabalho 2021: Saiba quais são e adapte-se

Inês Silva Com Catarina Milheiro

O mercado de trabalho está a mudar. Conheça alguns aspetos que se têm vindo a consolidar e se mostram tendências no mercado de trabalho em 2021.

2021 representado com lâmpada e números

Estar a par das principais tendências no mercado de trabalho é essencial para que não perca nenhuma oportunidade e para estar devidamente preparado para dar resposta a qualquer tipo de exigência no mercado. O impacto da pandemia e a transformação digital no mercado de trabalho são fatores a ter em conta.

Provavelmente está a questionar-se sobre o que é considerado, afinal, uma tendência: este é um termo que está diretamente relacionado com a probabilidade de acontecer.

Ou seja, em ambiente empresarial, as tendências podem ser interpretadas como direções que o mercado já está ou ainda vai seguir.

Fique connosco e conheça alguns aspetos que têm vindo a evoluir e a modificar e que podem indicar o caminho a seguir no próximo ano.

Tendências no mercado de trabalho e emprego: projeções para 2021

Segundo o ManpowerGroup Employment Outlook Survey, do ManpowerGroup, os empregadores portugueses olham com cautela para o mercado de trabalho, no primeiro trimestre de 2021.

A Projeção para a Criação Líquida de Emprego, entre janeiro e março, é de +5%, com o setor da Restauração e Hotelaria a manter-se muito pessimista em matéria de intenções de contratação.

Num universo de 463 empresas portuguesas inquiridas, apenas 13% dos empregadores contam aumentar as contratações, enquanto 76% não prevê qualquer alteração e 8% apontam para uma diminuição.

O impacto da pandemia e das medidas de prevenção afetam de forma diferente os diferentes setores da economia.

As previsões avançadas pelos empregadores da Restauração e Hotelaria ou do Retalho traduzem claramente a gravidade da crise que estes setores estão a viver, colocando milhares de postos de trabalho em risco.

Por outro lado, são tendências no mercado de trabalho, tendo em conta o aumento da procura, profissionais nas áreas da Saúde, da Tecnologia e Transformação Digital, ou do Ecommerce, sem que haja uma resposta suficiente em termos de profissionais disponíveis.

O estudo aponta que a gestão da atual crise económica e social passa pela formação e requalificação das pessoas, dotando-as das competências que lhes permitam evoluir as suas carreiras para áreas de maior procura.

Como afirma Rui Teixeira, Chief Operations Officer (COO) da ManpowerGroup Portugal,

“Este é um desafio que exige um esforço conjunto e transversal, unindo empresas, governos, instituições e trabalhadores no desenvolvimento e promoção de programas que rentabilizem o esforço de formação, com um compromisso de empregabilidade”.

O COO sublinha ainda,

“Neste âmbito, o digital terá com certeza um papel fundamental, mas outras áreas de formação técnica, tradicionalmente requerentes de talento, não devem ser descuradas. A resposta à crise e os planos de recuperação económica deverão ter aqui um eixo de atuação prioritário”.

Tendências no mercado de trabalho em 2021

pessoas a analisar dados no computador sobre as tendências no mercado de trabalho

Se está à procura de uma oportunidade de trabalho nova, se ambiciona um salário mais alto ou se o seu objetivo é mudar de cargo, é extremamente importante conhecer as tendências para 2021 no mercado de trabalho.

Por isso, e para alinhar as suas ambições às necessidades do mercado, é fundamental conhecer aquilo que as empresas e recrutadores mais procuram.

1

Home Office ou Trabalho Remoto

Já o era antes, mas, força das medidas de prevenção COVID-19, o trabalho remoto é realmente uma tendência atual na contratação para trabalho. Para além de oferecer inúmeros benefícios para as empresas, os colaboradores acabam também por usufruir de algumas vantagens com este tipo de trabalho.

Enquanto as empresas tiram partido da redução de custos, os colaboradores beneficiam na flexibilidade, por exemplo. Este tipo de vantagens parece proporcionar um ambiente de trabalho mais produtivo e harmonioso.

Se, por um lado há quem diga que o teletrabalho veio para ficar, por outro há quem acredite que o futuro passará por haver regimes híbridos. Ou seja, o regime de teletrabalho terá uma maior adesão, mas muito provavelmente funcionará de forma parcial.

2

Medição do desempenho dos profissionais será feita através dos resultados

Uma das tendências do mercado de trabalho em 2021 passa pela medição do desempenho dos profissionais através dos resultados e não em função das horas.

De facto, esta é uma tendência que já está a brotar em alguns setores, mas prevê-se que irá ganhar terreno nos próximos anos.

A verdade é que no futuro, cada vez mais se vão medir os resultados que cada profissional conseguiu e o valor que acrescentou à empresa em vez de se medir o número de horas que trabalhou num mês.

3

Mercado Saudável

É possível observar que o setor dos produtos saudáveis tem vindo a crescer e a expectativa do mercado é que continue em crescimento.

A procura por produtos naturais, mais amigos do ambiente, mais saudáveis e com maior valor nutricional é uma tendência no mercado que se tem vindo a notar nos hábitos de consumo.

4

Economia Colaborativa

Esta é uma das tendências no mercado de trabalho que já é uma realidade. Isto é, a economia ou consumo colaborativo consiste em sensibilizar o indivíduo para a necessidade de reduzir o consumo e refletir mais sobre o uso eficiente dos recursos.

Assim, trata-se de uma nova forma de viver, sem desperdícios e com qualidade.

Para ter uma noção, a Uber e o Airbnb são exemplos de ideias de negócio que foram criadas a partir do conceito de economia colaborativa.

5

SAAS

A área da tecnologia é uma das áreas que se tem vindo a desenvolver mais e mais a cada ano que passa. Por isso, são inúmeras as transformações que se podem observar à medida que os anos correm.

O ramo de SAAS veio mudar completamente o panorama sobre tecnologia e serviços. A venda de softwares como serviço prestado e não como produto é uma tendência no mercado das tecnologias de informação.

6

Vínculos laborais mais flexíveis

Outra tendência importante a referir, é ainda o facto de se avizinhar uma mudança na forma como os trabalhadores se ligam às empresas.

A questão que referimos em cima no artigo, do foco estar nos resultados e não nos horários, pode, efetivamente, fazer com que não existam tantas barreiras entre o contrato de trabalho e a prestação de serviços.

De uma forma geral, o trabalho independente está em crescimento e em vez de se apostar nos vínculos tradicionais por conta de outrem, há cada vez mais tendência neste tipo de trabalho, principalmente nas áreas tecnológicas.

7

Marketing Interativo

O Marketing Interativo já era uma das tendências em 2020 e continua a ser em 2021.

De modo a que seja possível avaliar e redefinir estratégias, é essencial que se faça uma análise dos resultados sobre a eficiência de cada estratégia e sobre o desempenho das ações implementadas.

No entanto, é também fundamental que as empresas tenham fortes inputs sobre as preferências, comportamentos e tendências de consumo.

Alguns exemplos da aplicação do marketing interativo são: Programas de fidelidade e programas de prospeção de novos clientes.

realidade aumentada
Veja também A realidade aumentada no mercado de trabalho
8

Tecnologia Disruptiva

Os Smartphones, Smart Tv’s, Smartwatches, as Chatbots, pesquisa e comando por voz, são já mais do que uma tendência no mercado de trabalho. Trata-se de uma realidade que veio para ficar e evoluir constantemente.

Estamos, portanto, a falar de aplicações e dispositivos que permitiram quebrar a cadeia de valor e que fazem hoje parte do dia-a-dia do consumidor tendo um grande impacto seja no ambiente pessoal ou corporativo.

9

Automação

Qualquer tipo de serviço automatizado economiza tempo e melhora a eficiência. Esta é uma tendência observada em ambiente empresarial, onde os softwares e algumas máquinas diminuem o trabalho administrativo e de produção.

Ou seja, no geral, é possível afirmar que as profissões estão a sofrer uma verdadeira adaptação a esta nova realidade, onde a inteligência artificial tem vindo a ganhar também algum destaque.

10

Segurança Digital

Com a implementação do RGPD (Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados), surgiram novas necessidades no Digital. A transparência nos dados e informação e a documentação de cada atividade, são, portanto, necessidades que criaram novas carências ao nível de recursos humanos e sistemas tecnológicos.

A partir deste cenário, surgiram, então, novas tendências de mercado, novos serviços e ferramentas que abriram portas a novas oportunidades de negócio.

11

Live Stream

Afinal, quantos de nós já assistiram a uma transmissão em direto de algum evento? A verdade é que este tipo de transmissões são já uma realidade e ganharam ainda mais força durante o confinamento, forçado pela pandemia.

Provavelmente questiona-se sobre o que estará na origem desta tendência. É muito simples: as conexões mais rápidas e mais fortes e as condições dos serviços de internet. E estamos no meio de uma pandemia que nos mudou os hábitos sociais e o contacto com outras pessoas.

As próprias Redes Sociais como Facebook, Instagram, Youtube e Twitter oferecem uma solução muito prática e simples para impulsionar o Live Stream.

12

Valorização da capacidade analítica

Já se questionou sobre as competências que os trabalhadores deverão ter, tendo em consideração que vivemos num mundo cada vez mais tecnológico? A verdade é que é cada vez mais imprescindível compreender as novas ferramentas, sem nunca esquecer as soft skills.

Quando referimos estas soft skills, estamos precisamente a falar da capacidade analítica e do espírito crítico como capacidades relevantes para os trabalhadores do futuro.

É essencial compreender que as empresas procuram cada vez mais profissionais que tenham uma boa capacidade de decisão, criatividade e capacidade de analisar resultados para que sejam apresentadas soluções diferentes e eficazes.

Adapte-se às tendências no mercado de trabalho

Nem sempre é fácil conseguir adaptar-se às tendências no mercado de trabalho. Contudo, uma vez que já está a par das principais, basta que defina os seus objetivos para que se consiga adaptar de modo eficaz.

Se o seu objetivo é a adaptação, deve começar por estabelecer algum método na sua rotina diária. Assim, estipule horários para trabalhar, para fazer as refeições, para os seus hobbies, para estar com a família e para estudar novas áreas, por exemplo.

É extremamente importante que reflita sobre aquilo que está a fazer neste momento da sua vida e se é compatível com a introdução das novas tendências no mercado de trabalho. Por exemplo: se tem atualmente um cargo fixo numa empresa e gostaria de alterar um pouco a sua carreira profissional, seria interessante começar por combinar o seu trabalho com o trabalho remoto.

Ou seja, é essencial que seja consciente com as escolhas que faz. Por isso, não tenha medo de arriscar, mas também não se atire de cabeça.

Faça formação na área em que quer apostar e que esteja relacionada com a tendência para 2021 e verá que se adaptará mais facilmente.

Veja também