Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Viviane Soares
Viviane Soares
18 Jun, 2018 - 16:56

Aldeia das Dez: a aldeia miradouro da Serra do Açor

Viviane Soares

No coração do xisto, em plena Serra do Açor, a Aldeia das Dez tem uma vista privilegiada para a belíssima paisagem serrana, não fosse esta a “aldeia-miradouro” mais conhecida da região.

Aldeia das Dez: a aldeia miradouro da Serra do Açor

Situada na encosta norte do Colcurinho, na Serra do Açor, à altitude de cerca de 500 metros, sobranceira ao rio Alvôco, a Aldeia das Dez pertence ao concelho de Oliveira do Hospital – que confina a norte com o concelho de Nelas, a nascente com o concelho de Seia, a sul com o de Arganil e a poente com Tábua.

É um autêntico miradouro, com vista privilegiada para as serras envolventes, nomeadamente para a Serra da Estrela. Construída predominantemente em granito, a aldeia detém um património construído de relevo, com destaque para a Igreja Matriz, cujo interior está decorado com talha dourada. Aqui moraram muitos entalhadores e douradores, que deixaram a sua marca na aldeia.

A Aldeia das Dez é também conhecida como a aldeia das fontes. São quatro: a Fonte do Povo, construída em 1892 e adornada com azulejos com poemas de Vasco Campos; a Fonte do Soito Meirinho, localizada à entrada da aldeia; a Fonte do Marmeleiro, construída em 1915 e a Fonte do Cabo do Lugar, construída em 1929.

Conhecida também pela doçaria típica – sobretudo os coscoréis e as cavacas -, pelas compotas e pelo licor de medronho, aconselhamos vivamente a visita à “aldeia-miradouro”.

Aldeia das Dez: o que visitar?

1. Igreja Matriz

aldeia-das-dez

A Igreja Matriz da Aldeia das Dez data do séc. XVIII e é um templo dedicado a São Bartolomeu. Além da excepcional decoração religiosa do seu interior, a igreja tem ainda a particularidade de ter cinco altares, dedicados a santos. Os altares possuem retábulos de talha da segunda metade do séc. XVIII que são verdadeiras obras de arte.

2. Capela Nossa Senhora das Dores

Aldeia das Dez

Esta belíssima capela também foi erigida no século XVIII.  A sua simplicidade é de uma beleza arrebatadora e, por si só, vale bem a pena a visita.

3. Igreja Santa Maria Madalena

aldeia-das-dez

Mais modesta que a Igreja Matriz, mas nem por isso menos encantadora, a Igreja de Santa Maria Madalena foi construída em 1758. Dotada de frontaria neoclássica, no seu interior exibe-se um retábulo com a imagem de Santa Maria Madalena que faz valer bem a pena a visita.

4. Solar Pina Ferraz

aldeia-das-dez

O Solar Pina Ferraz é conjunto de dois edifícios, um mais antigo, datado do séc. XVIII, e outro mais recente, do séc. XIX, inacabado. E é o estado de construção em que a obra parou que dá notoriedade ao conjunto. O edifício primitivo corresponde a uma residência senhorial com dois pisos, exibindo na fachada o brasão dos Pereiras, cujo uso foi concedido por carta régia de D. João V, datada de 1745.

5. Casa do S

aldeia-das-dez

Também conhecida como Casa da Voluta, a Casa do S é um edifício do séc. XVII, de arquitectura popular em banda. O denominado “S” corresponde a uma voluta desenhada sobre a parte final de um corrimão em pedra de escadaria exterior de um antigo solar e que aqui foi aplicada de forma descontextualizada neste edifício.

6. Fonte do Povo

aldeia-das-dez

A Fonte do Povo, construída em 1892, é um dos ex-libris da aldeia. Tem um pequeno tanque com duas bicas e, dos lados, dois tanques de maiores dimensões, com uma bica cada um. Destaque para um painel de azulejos com a imagem de Santo António e outro com duas quadras de Vasco Campos.

Onde ficar?

Para conhecer tudo o que a Aldeia das Dez tem para oferecer, bem como as restantes Aldeias do Xisto da Serra do Açor – Benfeita, Vila Cova de Alva, Fajão e Sobral de S. Miguel – porque não ficar uns dias pela região? Com uma nova plataforma de booking, as Aldeias do Xisto têm uma oferta variada de alojamento a preços bastante acessíveis e com todas as comodidades de que necessita para relaxar e sentir na pele a tranquilidade das terras do interior centro do país. Na Aldeia das Dez esta é a nossa sugestão.

Hotel Rural Quinta da Geia

Aldeia das Dez
Aldeia das Dez
Aldeia das Dez

Na Aldeia das Dez poderá encontrar este hotel rústico, construído numa belíssima quinta. Tem 21 quartos de luxo, alguns com varanda e mobilados ao estilo antigo, com camas de quatro colunas. Dispõe ainda de 4 apartamentos para seis pessoas, completamente equipados, para famílias ou amigos que procurem estadias mais prolongadas.

Para aproveitar o clima solarengo, o hotel dispõe ainda de uma piscina para uns belos banhos de sol. O preço de um quarto duplo standard, com pequeno-almoço incluído, ronda os 79€. Conheça melhor o hotel >>

Onde petiscar?

Aldeia das Dez
Aldeia das Dez

Inserido no Hotel Rural Quinta da Geia, o Restaurante João Brandão é um espaço acolhedor onde são servidos pratos que não só celebram a gastronomia portuguesa como também a internacional. Pão caseiro, bacalhau à lagareiro, carré de borrego com molho de mel e tomilho e a tarte de maçã são algumas das especialidades do seu cardápio delicioso. Conheça ainda o delicioso Menu de Degustação >>

Veja também: