Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Júlia Rocha
Júlia Rocha
16 Nov, 2018 - 16:53

3 pontos a considerar antes de apostar na compra de um carro usado

Júlia Rocha

Antes de fazer a escolha, é importante conhecer prós e contras de apostar em carros usados. Perceba se é a melhor solução para si.

3 pontos a considerar antes de apostar na compra de um carro usado

É comum ouvir, quando começamos a partilhar que pensamos comprar um carro, as opiniões de amigos e familiares sobre a diferença entre comprar um carro novo ou um usado. A aposta em carros usados é a opção mais tentadora, sobretudo pelo preço. Mas de facto, mesmo com estas oportunidades super em conta, é preciso pesar as vantagens e desvantagens destes automóveis.

A escolha entre um carro novo e um usado, passa por alguns cuidados que se devem ter na “análise” e inspeção ao carro. Podemos considerar que a base de tudo é o número de quilómetros que o carro já tem, os custos de manutenção que o carro possa ter e o estado de conservação do veículo. Tudo isto pesa no momento de decisão, porque financeiramente estes encargos acabarão por não compensar a escolha de um usado, comparativamente ao preço de um carro novo.

O que deve considerar antes de apostar em carros usados

usados

Quando está a visitar sites de carros usados ou até mesmo a visitar stands/concessionários, mantenha em mente os seguintes pontos.

1. Quilometragem

Estar atento à quilometragem é fundamental. O número de quilómetros é diretamente proporcional à desvalorização do carro, se bem que há outros fatores a contribuir. Contudo, este é o componente mais quantitativo e mais direto. Os números não mentem, e tente não deixar que os vendedores o enganem. É sempre boa ideia levar o carro a um mecânico de segurança ou pedir uma segunda opinião antes da compra para perceber se o veículo tem a quilometragem de acordo com a idade.

2. Estado de conservação do carro

É possível comprar um carro com 200 mil quilómetros em melhores condições do que com 80 ou 100 mil. Porquê? Porque vai tudo depender do estado de conservação de automóvel. Se o dono anterior tiver sido cuidadoso, praticado uma condução sustentável e responsável, tiver feito as revisões obrigatórias, à partida estará tudo bem.

3. Possíveis custos de manutenção

No seguimento dos dois pontos anteriores, é preciso colocar no prato da balança os possíveis custos de manutenção que o carro possa custar.

Vantagens e desvantagens de comprar carros usados

comprar carro

A grande vantagem de optar por um usado é, sem dúvida, o preço. Poderá ter também uma grande quantidade de carros à sua disposição, inclusivamente o mesmo modelo de anos diferentes. Há quem veja como vantagem ter um carro “com manias” já conhecidas, para evitar futuras surpresas no futuro.

Nunca poder ter a certeza porque aventuras determinado usado já passou, é encarado por muitos como uma grande desvantagem. Por muito que estabeleça contacto direto com vendedores, nunca vai conhecer o historial completo do carro. Como são à partida carros com alguma idade, o impacto ambiental também é maior. Daí podem advir os tais custos de manutenção e a falta de garantias (se comprar a um particular).

Concluindo

É tudo uma questão de pesquisa, tempo e dinheiro. Não tente comprar um carro usado à pressa; tome o seu tempo a pesquisar, a contactar vários vendedores, recolher informações e preços. Compre um carro de acordo com as suas necessidades e faça as contas, de forma a saber, aproximadamente, quanto vai gastar com combustível e outros gastos. Só assim vai perceber se, financeiramente, vai compensar comprar um carro usado em vez de um carro novo. É expectável que na maioria dos casos, a resposta seja positiva, mas tudo depende das suas necessidades e expectativas.

Veja também: