Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
12 Jan, 2021 - 10:04

Conheça 68 cursos sem desemprego em Portugal

Catarina Milheiro

Há dezenas de cursos sem desemprego, maioritariamente nas áreas tecnológicas e da saúde. Saiba quais são e em que universidades.

sala de aulas da faculdade a representar o ensino de cursos sem desemprego

São muitos os jovens que anseiam saber quais os cursos sem desemprego, que se enquadram nas suas expectativas e vocação.

Numa altura em que a pandemia veio alterar um pouco a dinâmica do mercado de trabalho, é importante perceber quais os cursos que garantem emprego nas mais distintas áreas.

Em 2019, o desemprego entre os recém-licenciados do ensino superior público voltou a descer e situou-se nos 3,3%. Neste sentido, importa saber que existem dezenas de cursos sem desemprego. Fique connosco e saiba tudo sobre o assunto.

68 cursos sem desemprego

Quando o assunto é a escolha do curso superior, é importante que se tenha em consideração a taxa de empregabilidade. Afinal, escolher qualquer um dos cursos sem desemprego poderá fazer toda a diferença na vida dos mais jovens.

Estamos perante um novo recorde. Num ano, passaram de 63 para 68 as licenciaturas e mestrados integrados em instituições de ensino superior portuguesas cuja taxa de desemprego dos seus recém-diplomados é de 0%.

Os dados foram divulgados pelo portal Infocursos do Ministério da Educação, em junho de 2020 e os valores referem-se à análise que é feita pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

A percentagem reflete o rácio entre o número de recém-diplomados registados como desempregados e o número total de recém-diplomados no ano letivo de 2018/2019.

InstituiçãoCursoDiplomados
Escola Superior de Saúde AtlânticaEnfermagem84
CESPU-Instituto Politécnico de Saúde do NorteEnfermagem133
Escola Superior de Actividades ImobiliáriasGestão Imobiliária59
Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha Portuguesa – LisboaCardiopneumologia50
Instituto Politécnico de BejaEnfermagem184
Instituto Politécnico de BragançaMúsica em Contextos Comunitários46
Instituto Politécnico de Castelo BrancoAgronomia40
Instituto Politécnico de CoimbraEngenharia Informática36
Instituto Politécnico de LisboaEngenharia Informática e de Computadores190
Instituto Politécnico de SetúbalEducação Básica160
Instituto Politécnico de SetúbalEnfermagem162
Instituto Politécnico do PortoEducação Musical46
Instituto Politécnico de PortoOrtóptica35
Instituto Superior de Ciências EducativasEducação Social47
Instituto Superior de Ciências EducativasEducação Básica99
Instituto Superior de Entre Douro e VougaContabilidade34
Instituto Superior de Entre Douro e VougaEngenharia de Produção Industrial53
Instituto Superior de Estudos Interculturais e Transdisciplinares de AlmadaGestão35
Instituto Universitário Egas MonizPsicologia41
Instituto Universitário Egas MonizCiências da Saúde40
ISEC Lisboa – Instituto Superior de Educação e CiênciasÓptica e Optometria58
ISEC Lisboa – Instituto Superior de Educação e CiênciasGestão Aeronáutica47
ISEC Lisboa – Instituto Superior de Educação e CiênciasEngenharia de Segurança do Trabalho41
ISPA-Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da VidaBiologia36
Universidade AbertaHumanidades37
Universidade Católica PortuguesaEnfermagem121
Universidade Católica PortuguesaPsicologia126
Universidade Católica PortuguesaEstudos Portugueses e Espanhóis30
Universidade Católica PortuguesaPsicologia74
Universidade Católica PortuguesaArte- Conservação e Restauro38
Universidade Católica PortuguesaTeologia84
Universidade Católica PortuguesaTeologia50
Universidade Católica PortuguesaTeologia38
Universidade da Beira InteriorMedicina497
Universidade de AveiroMúsica183
Universidade de AveiroBiologia e Geologia53
Universidade de CoimbraFísica46
Universidade de CoimbraQuímica Medicinal68
Universidade de CoimbraCiências Bioanalíticas69
Universidade de CoimbraPortuguês53
Universidade de CoimbraMedicina1239
Universidade de ÉvoraEnfermagem276
Universidade de LisboaMatemática44
Universidade de LisboaBiologia105
Universidade de LisboaEngenharia de Telecomunicações e Informática172
Universidade de LisboaEngenharia Informática e de Computadores319
Universidade de LisboaEngenharia Naval e Oceânica52
Universidade de LisboaEstatística Aplicada78
Universidade de LisboaArquitetura177
Universidade de LisboaMedicina1465
Universidade de LisboaEngenharia Física Tecnológica163
Universidade do AlgarveEnfermagem121
Universidade do AlgarveFarmácia52
Universidade do MinhoNegócios Internacionais (regime pós-laboral)100
Universidade do MinhoMedicina537
Universidade do MinhoTelecomunicações e Informática38
Universidade do PortoFísica80
Universidade do PortoEngenharia de redes e sistemas informáticos77
Universidade do PortoMedicina720
Universidade EuropeiaEngenharia Informática47
Universidade EuropeiaGestão do Desporto30
Universidade LusíadaJazz e Música Moderna46
Universidade Lusíada- NorteEngenharia Eletrónica e Informática35
Universidade Lusófona de Humanidades e TecnologiasBiologia56
Universidade Lusófona de Humanidades e TecnologiasInformática de Gestão46
Universidade Nova de LisboaConservação – Restauro81
Universidade Nova de LisboaMatemática59
Universidade Nova de LisboaMedicina1006

Diferenças entre o ensino politécnico e o ensino universitário

Como é possível verificar, os cursos sem desemprego são os de setores como as ciências e tecnologias e a saúde, sendo que a medicina e a engenharia informática têm um maior destaque.

Para ter uma noção, são 20 os cursos no setor da saúde com empregabilidade garantida. Em relação às ciências e tecnologias, existem 29 licenciaturas e mestrados com desemprego zero. Assim, do total são 39 os cursos de institutos de ensino superior privados e 24 lecionados em institutos politécnicos.

Mas qual é afinal, a diferença entre o ensino universitário e o ensino politécnico? Conforme se lê no artigo 3.º do Regime Jurídico das Instituições do Ensino (RJIES),

“o ensino universitário deve orientar-se para a oferta de formações científicas sólidas juntando esforços e competências de unidades de ensino e investigação”,

Por outro lado, o ensino politécnico deve 

“concentrar-se especialmente em formações vocacionais e formações técnicas avançadas orientadas profissionalmente”.

De uma forma geral, o ensino politécnico está a ganhar terreno. Entre as 68 licenciaturas e mestrados integrados com taxa de desemprego 0%, 24 são lecionados em institutos politécnicos.

Já em 2019, quase metade dos cursos com empregabilidade assegurada, eram lecionados em politécnicos (demonstrando assim menos diferenças entre cada tipo de ensino).

Veja também