ebook
GUIA DO REGRESSO ÀS AULAS
Prático e Descomplicado
Catarina Reis
Catarina Reis
02 Jul, 2021 - 10:10

Guia de profissões: como escolher a carreira certa

Catarina Reis

Se está a atravessar um momento de escolha de uma área de trabalho, consulte um guia de profissões para se informar.

Guia de profissões

Seja no fim do terceiro ciclo ou já a antecipar a escolha de um curso superior, a decisão quanto à profissão a seguir impõe-se. Não está sozinho nas suas dúvidas, e também não tem que tomar a decisão totalmente isento de apoio. Um guia de profissões poderá ser uma ajuda. Saiba que ferramentas e opções estão disponíveis.

Indeciso quanto à futura profissão? Recorra a um guia de profissões

Um guia de profissões irá ajudá-lo a decidir qual o percurso de formação mais indicado para si. Isto, claro está, porque se assume a importância de ter um diploma que ateste as suas competências profissionais.

A quem se destina o guia de profissões

O objetivo de consultar um guia de profissões é ajudá-lo a descobrir qual a profissão ideal para si, mas não só: presta auxílio aos que já possuem uma carreira profissional e desejam evoluir.

O Fórum Estudante poderá servir como um primeiro guia de profissões 

Disponibiliza informação sobre escolas, cursos e profissões. Tem ainda publicações gratuitas como o Guia Prático do Estudante, que poderá ser útil para ajudar a decidir que curso seguir após o 12º ano, e ainda o Guia das Escolas Profissionais, que se propõe a abrir algumas portas nesse sentido.

A exploração é a chave para tomar uma boa decisão

Temos tendência a escolher profissões – e vias de estudos que a elas conduzem – mais familiares. É por essa questão que se observa muitas vezes uma grande predominância da mesma área profissional no seio de uma família ou de um grupo de amigos.

No entanto, pode não significar necessariamente que a escolha corresponda ao que realmente sabemos fazer melhor, ou àquilo de que na realidade gostamos.

Por isso é que é tão importante consultar um guia de profissões e familiarizar-se com áreas de trabalho menos conhecidas para si.

Exploração direta é fundamental

Além da informação mais teórica que encontra nos guias, é importante contactar diretamente com os profissionais de diferentes áreas. Vá a mostras de profissões, fóruns, seminários, e marque reuniões com pessoas conhecidas que já estejam no mundo do trabalho e que possam transmitir-lhe uma imagem próxima da realidade.

E lembre-se: é sempre possível voltar atrás, escolher um novo curso ou enveredar por uma nova área de trabalho.

Encontre o seu guia de profissões

Metáfora para pessoa em encruzilhada

Algumas plataformas servem como ferramentas muito úteis, sendo que algumas funcionam mesmo como uma espécie de guia de profissões com o intuito de orientar quem procura delinear um futuro profissional. Referimo-nos às seguintes:

E conte com a ajuda do simulador de profissões

Pode ainda consultar o simulador de profissões, que dá uma ajuda extra na escolha da melhor via a seguir, uma vez que, um dos dilemas recorrentes de quando se tenta delinear um futuro profissional, seja em que altura da vida for, mas com especial incidência nos jovens à procura de primeiro emprego, é descobrir a sua vocação. 

Esta é uma ferramenta muito útil nesse sentido. Ajuda-o a perceber qual ou quais as áreas de atividade para as quais poderá ter uma maior apetência.  Aceda ao link e depois é só filtrar as áreas que lhe interessa. 

Vias de formação possíveis após o secundário

Cursos profissionais

Para além dos cursos científico-humanísticos, hoje existe a possibilidade de concluir o ensino secundário frequentando um curso profissional que prepara as pessoas para ingressarem no mundo do trabalho na posse da adequada certificação, ao mesmo tempo que permite prosseguir estudos no ensino superior, caso seja essa a opção, na altura em que se conclui os estudos.

Tratam-se de cursos integrados no SNQ, permitem uma dupla certificação – escolar e profissional. Os cursos profissionais podem ser frequentados em estabelecimentos de ensino público, de ensino particular e cooperativo e ainda nas escolas profissionais públicas e privadas.

São uma boa opção para quem pretende rapidamente estabelecer uma ligação ao mundo do trabalho, valorizando desde logo o desenvolvimento de competências para o exercício de uma profissão, em articulação com o setor empresarial local, permitindo também o prosseguimento de estudos e/ou formação (no ensino pós-secundário ou superior).

adultos a frequentar cursos profissionais remunerados
Veja também Cursos profissionais remunerados: saiba onde encontrar

Cursos Artísticos Especializados

Os Cursos Artísticos Especializados dão formação nas áreas da dança, da música e das artes visuais e dos audiovisuais.

Trata-se de cursos de nível secundário com a duração de 3 anos letivos, que correspondem aos 10.º, 11.º e 12.º anos de escolaridade. São perfeitos para quem pretende por um lado efetuar o prosseguimento de estudos em cursos de especialização tecnológica ou de ensino superior e, por outro, a inserção no mundo do trabalho.

Cursos com planos próprios

Estes cursos são dirigidos a quem pretende uma formação profissional de acordo com os seus interesses e competências, com vista ao prosseguimento de estudos no ensino superior e/ou à inserção no mercado do trabalho. Caracterizam-se por uma forte componente científica e tecnológica.

Cursos de educação e formação

Possuem quatro componentes de formação: Sociocultural, Científica, Tecnológica e Prática. Também fornecem aos alunos uma qualificação escolar e profissional.

Cursos de aprendizagem

Os Cursos de Aprendizagem têm lugar na rede de Centros de Formação Profissional do Instituto do Emprego e Formação Profissional.

É estabelecida uma ponte desde logo com as empresas, de modo a que a componente prática seja desenvolvida de forma progressiva ao longo do curso.

Apostar no guia de profissões pensando no futuro próximo

O mundo do trabalho está em constante mutação. As competências necessárias para ter sucesso diferem substancialmente das do passado. Prevê-se, por exemplo, que, num futuro muito próximo, as profissões que envolvam a automação e a inteligência artificial sejam as dominantes.

Competências técnicas
Veja também As competências técnicas mais procuradas no mercado de trabalho
Veja também