Afonso Aguiar
Afonso Aguiar
10 Jan, 2022 - 11:08

Fumo branco no tubo de escape: o que significa e o que deve fazer?

Afonso Aguiar

Se o carro estiver com fumo branco no tubo de escape pode ser sinónimo de algo grave, como também não ser nada de especial.

Fumo branco no tubo de escape

Muitas vezes o nosso carro começa a enviar alguns sinais de que nem tudo está a correr sobre rodas. Um exemplo é o fumo branco no tubo de escape, algo que pode exigir a correção imediata de um problema, para que o mesmo não se alastre e possa prejudicar ainda mais o veículo.

No entanto, principalmente nos meses frios, há duas situações em que o fumo branco não representa um problema grave, mas apenas uma reação às condições atmosféricas.

Quer seja num carro movido a gasolina ou a gasóleo, quando o fumo branco sai do tubo de escape em pequenas quantidades e tem uma forma fina não há razão para alarme. Caso seja um automóvel a Diesel, isso ocorre por causa do frio e, normalmente, ao fim de alguns quilómetros, assim que o motor aquece, esse fumo desaparece.

Já nos veículos a gasolina, nas épocas de chuva, durante o arranque é normal aparecer fumo branco no tubo de escape, uma vez que se trata na realidade de restos de água a evaporar.

Porém, estes dois casos são a exceção, sendo que há outros, uns mais comuns e outros mais raros, que merecem a sua atenção.

Fumo branco no tubo de escape: situações em que deve se preocupar

Em qualquer das situações que serão citadas aconselha-se a resolução imediata da situação, sendo que excetuando o segundo caso, todos os outros implicam recorrer aos serviços de um profissional da área.

Problema com a injeção a diesel ou nos preaquecedores

Exclusivamente nos carros movidos a diesel, se o veículo demonstrar algum tipo de dificuldade ao arrancar e o fumo branco no tubo de escape persistir muito tempo depois do arranque, então das duas umas: ou há algum problema no sistema de injeção ou nos preaquecedores.

Isto acontece quando o combustível injetado não consegue aquecer suficientemente rápido antes de ser bombeado, fazendo com que a parte que não chega a ser queimada se evapore.

Caso o veículo tenha uma bomba de injeção o mais provável é que resida aí o problema. Se não tiver, então são os preaquecedores.

pessoa a colocar líquido anticongelante no carro
Não perca Líquido anticongelante: tudo o que precisa de saber

Problema na junta da cabeça do cilindro

Caso comece a fumegar branco no arranque e, em vez de persistir durante uns largos minutos como no caso anterior, o fumo simplesmente não pare nunca, então deve verificar a junta da cabeça do cilindro.

Nestes casos, esta peça não está a fazer devidamente o seu trabalho e o anticongelante está a entrar no cilindro, a misturar-se com o combustível resultando na ação química que faz com que o fumo saia branco.

Apesar de ser uma operação passível de ser feita em casa, é ao mesmo tempo um procedimento moroso, que exige muita atenção, cuidado e inclusive capacidade de manuseamento de ferramentas e conhecimento de causa. Em alternativa, recorrendo a um profissional, a conta não ficará barata.

Se for novamente a junta menos mal

Poder-se-á pensar que quando o fumo acontece durante o arranque é sinal que é grave. Não deixa de estar correto esse pensamento. Porém, o problema mais grave associado ao fumo branco no tubo de escape normalmente só ocorre com o carro em andamento.

Quando o fumo branco é grosso e nota-se essencialmente durante a condução, terá acontecido o pior: o líquido refrigerador do motor está a queimar. Novamente é um problema da não capacidade de estancar e neste caso espera-se que, do mal o menor, seja novamente a junta.

Em alternativa poderá ter um fenda no bloco do motor. Em qualquer possibilidade, se verificar que o fumo é branco e grosso, para imediatamente o carro e chame o reboque. O objetivo é evitar que a situação se propague para o resto do motor.

É que se trocar a junta da cabeça do motor é caro, neste caso qualquer reparação no motor será bem pior.

Agora já sabe se o fumo branco no tubo de escape é normal, ou se é sinal de preocupação ligeira, normal ou até alta. Portanto, basta estar atento.

Veja também