Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Clara Henriques
Clara Henriques
06 Ago, 2015 - 08:00

Governo é uma ‘máquina de criar desemprego’

Clara Henriques

Os novos dados do desemprego divulgados pelo INE – Institudo Nacional de Estatística, são lidos de forma diferente pelo Bloco de Esquerda, que tece fortes acusações ao Governo.

Governo é uma 'máquina de criar desemprego'

As diferentes leituras que se têm feito nos últimos dias relativamente aos novos dados sobre o desemprego que o INE – Instituo Nacional de Estatística publicou, têm dado muito que falar.

Pesquise emprego em mais de 15 países
O E-Konomista juntou num guia mais de 100 sites nacionais e internacionais onde poderá procurar as melhores ofertas de emprego para países como por exemplo Portugal, Suiça, Alemanha, Brasil, Austrália e Dubai. Faça download aqui.

Segundo o INE, “a taxa de desemprego foi de 11,9 por cento de abril a junho, menos 1,8 pontos percentuais do que nos três meses anteriores e 2,0 pontos percentuais menos do que no período homólogo de 2014”.

O impacto destes números no Bloco de Esquerda é muito claro. Para Pedro Filipe Soares, a leitura dos números é apenas uma e, na sua opinião, “com esta realidade o Governo não tem nenhuns motivos para sorrir”, acrescentando ainda que “depois de uma política de austeridade brutal e de um aumento elevado de desemprego, o Governo está a pretender alterar a realidade em pleno período de campanha eleitoral. A realidade é crua e é preciso assumir isso”, esclarece.

Segundo a oposição, os dados divulgados deixam de fora “os inúmeros desempregados que não fazem parte das estatísticas”.

Outra realidade mencionada pelo Bloco de Esquerda é o fato do Governo ter destruído “219 mil postos de trabalho ao longo destes últimos quatro anos”, conclui.


Veja também: