ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
06 Jun, 2022 - 19:32

6 passos para lavar cortinados na máquina

Catarina Milheiro

Lavar cortinados de forma correta pode parecer uma tarefa complicada. Fique connosco, siga as nossas dicas e descomplique.

As cortinas são essenciais em todas as casas – quer seja para decorar ou para preservar a nossa privacidade, sem esquecer que elas também são importantes para criar uma barreira térmica entre as janelas e o resto da casa. E para quem tem dúvidas sobre como lavar cortinados da forma correta, temos dicas úteis e simples de seguir.

Se nunca o fez antes, sabemos que esta pode parecer uma das tarefas domésticas mais difíceis. Afinal, é preciso retirá-los, remover as argolas ou os ganchos utilizados para os prender nos varões, de seguida lavá-los e por fim colocá-los a secar.

Para além disto, por serem têxteis normalmente volumosos, esta tarefa exige algum tempo e paciência. No entanto, é algo que todos devemos fazer pelo menos duas ou três vezes por ano para garantir que não se acumulam ácaros ou poeiras.

Como lavar cortinados na máquina de lavar roupa: 6 passos

Tal como as outras superfícies da casa, os cortinados também acumulam poeiras, ganham manchas e até absorvem odores. Por isso, é importante sabermos como lavar cortinados na máquina de forma correta e eficaz.

De facto, quando o assunto é a lavagem de cortinas, muitas vezes as pessoas acabam por ter medo de as inserir na máquina por não saberem muito bem qual o melhor programa ou então como as devem secar. Mas não se preocupe: criamos um passo a passo para evitar surpresas.

1.

Aspire ou sacuda as cortinas

Antes de lavar os cortinados, deve sempre aspirá-los ou sacudi-los. Esta tarefa pode ser feita enquanto ainda estão pendurados para facilitar o processo.

Se tiver um animal de estimação, pode até utilizar um rolo adesivo para tirar aqueles pelos que persistem mesmo depois de sacudir.

2.

Observe a etiqueta dos cortinados antes de os colocar na máquina

A segunda coisa que deve fazer antes de lavar os cortinados na máquina é observar atentamente a etiqueta do tecido. Por norma, a maioria das cortinas vem com uma pequena etiqueta que indica o tipo de lavagem a que pode ser submetido aquele tecido. Se foi um cortinado feito à medida numa loja especializada, informe-se diretamente com quem vendeu.

Ao ler a etiqueta ou tirar dúvidas com o vendedor irá perceber se os seus cortinados podem ser lavados com água ou se precisam de uma lavagem a seco feita numa lavandaria.

Assim que verificar que os tecidos podem ser lavados com água, retire os cortinados do varão e coloque-os na máquina de lavar.

No caso de ter ganchos removíveis, não se esqueça de os retirar também. Caso contrário, poderão perder-se no tambor da máquina e entupir o filtro de descarga provocando estragos.

3.

Se a cortina estiver muito suja, deixa-a de molho

No caso de os seus cortinados terem acumulado muito ou estarem manchados, pode ser necessário colocá-los de molho. Para o efeito prepare uma bacia com água fria e detergente em pó e mergulhe as cortinas por 40 minutos.

4.

Escolha o programa e coloque o detergente

De seguida, feche a porta da máquina de lavar roupa e escolha o programa para cortinados. Se a sua máquina já tiver um programa configurado desse género, selecione-o.

No caso de não ter, deve optar por um programa para roupas delicadas ou para roupas sintéticas, mantendo uma temperatura de 30ºC, com uma centrifugação não muito alta.

Por fim, insira o detergente num doseador e introduza-o no tambor por cima dos cortinados para uma lavagem mais eficaz.

5.

Adicione um aditivo ao detergente para uma lavagem perfeita

Para os tecidos mais delicados ou coloridos, o ideal é utilizar uma lixívia delicada como aditivo ao detergente. Ao usar um produto deste género, conseguirá higienizar corretamente as suas cortinas e retirar as manchas acumuladas sem, no entanto, danificar o tecido.

Para o efeito basta colocar uma tampa doseadora (aproximadamente 100ml) no tambor, por cima dos cortinados.

Se as suas cortinas forem brancas e com um tecido resistente (como o algodão, por exemplo), pode utilizar uma lixívia tradicional para tecidos. Desta forma vai eliminar aquele tom acinzentado que perdura nos tecidos depois de muito tempo pendurados nas janelas.

Neste caso, se a sua máquina tiver um compartimento específico para colocar a lixívia pode colocá-la lá. No entanto, se optar por inserir amaciador, saiba que poderá sempre despejar uma tampa doseadora diretamente no tambor e iniciar a lavagem.

6.

Pendure os cortinados para secarem corretamente

Assim que a lavagem acabar, opte por pendurar os cortinados diretamente nos varões das janelas enquanto ainda estiverem húmidas.

Esta é a melhor forma para os secar, visto que deixará as fibras bem lisas sem que seja necessário passar o tecido a ferro (na maioria dos casos).

Como lavar cortinados de seda e de linho?

Muitas vezes as cortinas que temos em casa são de tecidos como o linho ou a seda e com medo de os estragar, acabamos por mandá-las para a lavandaria e gastamos um dinheirão.

Para que consiga economizar nesse aspeto, saiba que os cortinados de seda e linho são considerados tecidos delicados e, por isso mesmo, devem ser lavados cuidadosamente.

Siga sempre as instruções da etiqueta. Por norma, este tipo de cortinas podem ser lavadas num programa para tecidos delicados a 30ºC no máximo, sendo que não deve colocar mais de duas de cada vez para preservar o tecido.

Além disto, se tiver que as passar a ferro, opte por utilizar uma baixa temperatura no ferro, vapor ou até um pano sobre o tecido. Verá que os resultados serão brilhantes.

Veja também