Francisco Rodrigues
Francisco Rodrigues
28 Ago, 2019 - 08:15

Caixa automática: vantagens e desvantagens

Francisco Rodrigues

Conheça as vantagens e desvantagens de uma caixa automática e descubra qual é a melhor para si, tendo em conta a sua situação.

Caixa automática: vantagens e desvantagens

Poupe até 250 euros por ano no seu Seguro Automóvel

Com o mundo automóvel em constante desenvolvimento temos que nos perguntar várias vezes quais são as vantagens e as desvantagens de novas tecnologias e inovações. Uma dessas novas tecnologias é a caixa automática, que para uns é uma bênção e que a outros tira o prazer da condução.

3 vantagens da caixa automática

1. Maior facilidade a conduzir

Para novos condutores, uma caixa automática é muito mais fácil de utilizar do que uma manual. Apesar de não haver nenhum bicho de sete cabeças na embraiagem, esta continua a precisar de alguma prática para dominar.

Com mudanças automáticas é muito mais fácil conduzir, e não é necessária qualquer preocupação com as mudanças – daí muitos dizerem que tira algum do prazer da condução. 

2. Melhor para condutores inexperientes

Não basta ser mais fácil de utilizar, mas também é melhor para condutores inexperientes. Ao passar por terrenos íngremes e por zonas com muitos carros, a caixa automática liberta-nos de todo o trabalho que envolve a embraiagem e as mudanças.

Em zonas com muito trânsito não é preciso mais que pôr o pé no pedal para o carro ir, e todos sabemos como o ponto de embraiagem pode ser difícil para quem está a aprender. Assim, reduz o risco de deixar o carro ir abaixo – bem como o de embaraços.

3. Facilidade de venda

Existem muitas pessoas à procura de mudanças automáticas, seja por quererem experimentar a novidade, seja por quererem oferecer o carro a alguém com menos experiência. Um carro com mudanças automáticas pode-se vender facilmente, e pode encher mais a carteira.

3 desvantagens

1. Menor controle

Condutores inexperientes beneficiam muito da caixa automática, mas condutores mais hábeis não. Como é tudo automático, perde-se algum controle sobre as mudanças. Como o condutor não tem tanto controle sobre as mudanças, pode acabar por perder mais combustível e/ou tempo do que deveria em certas situações.

2. Maior consumo

Como quem manda não é só o condutor, é difícil usar a caixa de velocidades para poupar no combustível quando as mudanças são automáticas. Além disso, regra geral, motores que usam a manete consomem menos que motores automáticos, o que faz com que possa poupar mais a longo prazo.

3. Menos custos de manutenção

Um carro com mudanças automáticas é mais complexo do que um com mudanças manuais. Quando deixa de estar na mão do condutor, todo o sistema de controle de mudanças aumenta a complexidade do carro.

Maior complexidade significa que o mecânico cobra mais quando o carro entra na oficina. Quanto mais difícil, maior o custo do serviço.

Proteja o seu carro e o seu bolso com o nosso Simulador de Seguro Automóvel

Veja também