Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Mesquita
Catarina Mesquita
17 Ago, 2018 - 09:00

Será vantajoso ter uma empresa familiar? Saiba tudo

Catarina Mesquita

Ter uma empresa familiar parece uma ideia fantástica? Existem vantagens em estabelecer este tipo de negócio. Pondere também os aspetos menos positivos.

Será vantajoso ter uma empresa familiar? Saiba tudo

Já pensou em seguir carreira numa empresa familiar existente há muito tempo no seio da sai família? Na verdade, existem empresas com história que vem de outras gerações mais antigas. Em Portugal, conhecemos vários exemplos de sucesso enorme que começaram como uma empresa familiar, como é o caso do grupo Jerónimo Martins ou da Sonae. Lá fora, outras empresas de renome começaram também com o modelo de empresa familiar, como por exemplo a Peugeot ou a BMW.

Mas terá este modelo de negócio apenas vantagens, ou a certo a ponto pode trazer questões complicadas de se resolver, levando a um impasse na empresa? Na verdade, existem pontos positivos e negativos no que diz respeito a possuir uma empresa familiar. Confira-os de seguida.

Ter uma empresa familiar: vantagens

empresa familiar

1. Ambiente mais informal

Isto acontece, uma vez que a maioria das pessoas se conhece, sendo que, muitas vezes, mesmo as chefias são familiares.

2. Entreajuda em momentos de crise

Nestes casos, a empresa é um bem comum a todos, por que todos zelam. Por outro lado, como existe uma relação familiar e próxima, a ajuda que é dada é, à partida, descomprometida e mais empenhada.

Veja aqui 5formas de resolver um conflito no trabalho >>

3. Planos feitos a longo prazo

Não esquecendo o facto de que há uma maior estabilidade em termos de capital e dos que o detêm. Há também muito empenho na gestão da empresa, que é pensada como um bem comum.

4. Processo de decisão mais célere

A decisão não tem de passar por vários acionistas e estruturas dentro da empresa.

5. Maior flexibilidade na gestão de questões quotidianas

Referimo-nos a questões como a marcação de férias ou a necessidade de dar uma falta, por exemplo. Como há menos pessoas a trabalhar na maioria das empresas familiares e Portugal, torna-se mais fácil resolver essas questões.

E quanto aos pontos negativos?

empresa familiar

1. Há o risco de afetar as relações familiares ou a empresa

Se houver uma zanga por alguma questão da empresa familiar em causa, isso afetará também as relações pessoais dentro da família. Também pode acontecer o contrário: uma questão pessoal entre familiares que trabalham na empresa poderá refletir-se na gestão da mesma e influenciar o ambiente de trabalho.

Constituição de uma associação: passo a passo

  • Quanto custa abrir uma empresa e quais os passos a seguir
  • 6 razões para abrir a sua própria empresa
  • 7 cursos de empreendedorismo online que lhe vão ser muito úteis
  • As 5 melhores ferramentas online para empreendedores
  • Vantagens e desvantagens de ser empreendedor