Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
16 Set, 2019 - 11:53
Estágio como reconversão de carreira: nunca é tarde demais

Estágio como reconversão de carreira: nunca é tarde demais

Mónica Carvalho

Fazer um estágio como reconversão de carreira reflete o panorama do mercado de trabalho: não há empregos para a vida toda e está sempre a tempo de mudar.

O artigo continua após o anúncio

Quando pensa em estágio, pensa em jovens sem experiência, certo? Errado! Com as mudanças constantes e rápidas do mercado de trabalho são muitos os profissionais mais velhos que encaram o estágio como reconversão de carreira. Ou seja, como uma oportunidade de fazer algo diferente e mudar por completo a vida profissional.

Este fenómeno tem o nome Minternship e vamos explicar ao certo em que consiste.

Estágio como reconversão de carreira: o que é o Minternship

São muitos os millennials que não estão satisfeitos com o emprego e com o rumo das suas carreiras. Como tal, outros valores se impõem, nomeadamente o bem-estar e a satisfação profissional. Assim, as mudanças de carreira são frequentes e nada temidas, mesmo que isso implicar regressar à etapa inicial de todas: fazer um estágio. Ou neste caso um minternship.

De acordo com uma pesquisa levada a cabo pela consultora Deloitte em 2019 com mais de 13 mil pessoas, 49% dos milenares deixarão o emprego nos próximos 2 anos. Além disso, cerca de um quarto afirmou ter deixado um emprego nos últimos 24 meses. Como alternativa, muitos millennials admitiram considerar os estágios como uma oportunidade para relançar ou mudar de carreira antes que seja tarde demais.

Este fenómeno já chegou às salas de cinema, com o filme The Intern, em que Robert De Niro interpreta um reformado de 70 anos que aceita um cargo de estagiário numa revista de moda, como forma de manter os dias ocupados e sentir-se útil. E além do lado cómico, esta premissa acaba por ser muito atual, principalmente em camadas mais jovens.

A geração millenial procura dar importância e atribuir significado à carreira. É uma geração que pretende sentir-se profundamente conectada com o trabalho que desenvolve, mesmo que isso implique ter um salário mais baixo ou até mudar de cidade. Tudo vale quando o assunto é encontrar um emprego de sonho.

Se o que está a fazer atualmente não se alinha com a maneira como vê seu futuro, esta opção de estágio como reconversão de carreira pode ser uma mudança interessante na sua carreira. Respeite que os seus objetivos de carreira possam mudar à medida que sobe as escadas e aproveite a oportunidade para reiniciar sua carreira. Isto pode ajudá-lo a honrar suas prioridades e desejos.

Minternship: valerá mesmo a pena?

estágio como reconversão de carreira colegas de trabalho a cumprimentarem-se

O termo mintership surge desta nova tendência de pessoas que optam por realizar um estágio a “meio da carreira”, numa área profissional diferente. A expressão significa Mid-career Interships, ou seja, estágios a meio da carreia ou estágios para adultos, como também é conhecida.

O artigo continua após o anúncio

O profissional que opta pelo minternship encara o estágio não como um retrocesso, mas antes como uma oportunidade de crescer e expandir os seus horizontes de carreira. Uma carreira que traga paixão, que traga significado e que o faça sentir-se bem consigo próprio.

E os estágios podem oferecer o equilíbrio perfeito entre esta procura, a capacidade de se comprometer com um novo emprego e o alívio da pressão e stress que provavelmente sentia no ou nos empregos anteriores.

E as vantagens em fazê-lo são consideráveis: enquanto mintern, estará numa posição única, onde entra com a mesma intenção que um estagiário, no entanto, possui uma experiência anterior rica e vasta, bem como o conhecimento do que é preciso para trabalhar e obter resultados. Esse nível de maturidade que os estagiários tradicionais de 20 anos podem não ter poderá fazer toda a diferença.

No que às desvantagens diz respeito, naturalmente a mudança numa altura em que se previa ter uma maior estabilidade profissional, financeira e até familiar pode ser complicada de gerir. Assim como entrar numa empresa, com colegas mais jovens também pode provocar alguma sensação de desconforto e levá-lo a questionar-se se tomou a decisão certa.

Todavia há algo inegável: toda a sua experiência profissional, mesmo que não traga o retorno esperado, faz de cada pessoa um profissional único e incomparável que pode trazer mais-valias a qualquer empresa. Ser um estagiário mais velho do que é habitual irá igualmente trazer uma sensação de humildade e a um aprofundamento da inteligência emocional, skills tão importantes e procuradas pelas empresas.

Como encontrar um minternship?

O recrutamento típico para fazer um estágio implica entrar em contato com professores ou fazer contatos através de um programa de estágio existente. Todavia tudo isto pode parecer estranho para aqueles que são mais velhos e procuram uma oportunidade para mudar de carreira e não apenas começar.

Dessa forma, tire vantagem da sua experiência profissional e passe a palavra à sua rede de contactos de que está à procura de novas oportunidades noutra área profissional, mesmo que isso implique começar do zero.

Procurar emprego nunca foi tão fácil como na atualidade, com a quantidade de portais de emprego online, muitos deles até dedicados a determinadas áreas e setores profissionais. Além disso, poderá sempre optar por enviar candidaturas espontâneas para empresas que se enquadrem no que deseja para si e para o seu futuro profissional. Pense no estágio como reconversão de carreira e arrisque!

O artigo continua após o anúncio
Veja também