ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
15 Fev, 2022 - 08:10

8 dicas para melhorar o seu networking profissional

Catarina Milheiro

O networking profissional é uma das chaves para alcançar o sucesso no mercado de trabalho. Damos-lhe uma ajuda para ser bem sucedido.

networking profissional

Aprender a construir uma boa rede de networking profissional nos dias de hoje é fundamental para se conseguir evoluir na carreira e ter bons relacionamentos interpessoais.

Apesar de parecer uma tarefa fácil, a verdade é que nem sempre o fazemos da forma correta. Atitudes como as de incomodar as pessoas inoportunamente ou parecer interesseiro podem prejudicá-lo bastante ao longo deste processo.

Para que nada disso aconteça e consiga construir e ampliar o seu networking profissional, existem algumas dicas que pode e deve seguir. Fique connosco e saiba tudo.

Como fazer networking profissional: 8 dicas

Fazer networking profissional é hoje imprescindível a qualquer profissional, de qualquer setor de atividade.

É através dos contactos que compõem a sua rede que conseguirá ter acesso a oportunidades que, de outra forma, seriam inacessíveis.

A parte mais difícil deste trabalho em rede é mesmo o início. No entanto, não basta fazer contactos novos – é preciso saber mantê-los e alimentar constantemente a sua rede profissional.

networking online
1

Escolha os contactos que farão parte da sua rede

O primeiro passo é decidir quem deseja que conste da sua rede de networking profissional.

Para isso, elabore uma lista dos seus contactos mais interessantes, que deverá ser composta por pessoas que podem ser úteis para si e para o seu trabalho a longo prazo.

Seja seletivo, mas não deseje só os “tubarões”. Tenha em atenção que os contactos podem ajudar de muitas maneiras, muitas vezes de forma indireta, ou ajudando a estabelecer a ponte entre si e outras pessoas ou projetos.

2

Defina objetivos e cultive laços de confiança

Um dos aspetos mais importantes quando o assunto é o networking profissional, é saber onde quer chegar. Ou seja, quais são as empresas onde gostaria de trabalhar, as suas áreas de interesse ou os cargos que pretende vir a alcançar, por exemplo.

A partir do momento em que tem as respostas às questões acima descritas, torna-se muito mais simples começar a adicionar outros contactos e claro, a investir neles.

Além disso, lembre-se que não basta adicionar pessoas nas redes, principalmente numa rede como o LinkedIn. É extremamente importante que cultive laços de confiança e seja “de confiança”.

Afinal, fazer um bom networking profissional pressupõe criar fortes laços de entreajuda profissional, investir tempo a cultivar as relações, partilhar interesses e dados com as outras pessoas.

3

Mantenha-se presente

No LinkedIn é muito comum os utilizadores adicionarem contactos para pouco tempo depois desaparecerem por completo. Embora esta estratégia possa parecer útil para aumentar as suas conexões, saiba que não é a ideal.

É fundamental continuar presente no dia-a-dia das pessoas que compõem a sua rede profissional, através de conteúdos relevantes. Por isso converse, compartilhe, interaja e troque informações que possam ser úteis para ambas as partes.

4

Ajude outros profissionais

Uma das formas mais simples para fazer networking profissional e manter as relações no futuro é ajudar os outros.

No fundo, o que se pretende é que ajude e seja útil em algum momento, da mesma forma que as pessoas contribuem para a sua vida profissional. Trata-se de uma relação de entreajuda.

Procure que as suas relações de networking profissional sejam proveitosas para todas as parte envolvidas. Pergunte a si mesmo se aquela pessoa lhe pode ser útil e se você também lhe poderá vir a ser útil a ela.

E isto não vale só para o curto prazo – pense se essa relação poderá vir a consolidar-se de forma mútua e proveitosa daqui a um longo período de tempo.

5

Não seja oportunista

Incuta em si mesmo princípios fortes de ética profissional e fair-play: não use o networking profissional com má fé.

Não se aproveite dos seus contactos de forma oportunista – como, por exemplo, para “roubar” clientes a outros, usurpar ideias alheias ou espalhar boatos sobre os seus concorrentes.

6

Participe em eventos de networking profissional

Participe em eventos de networking, mas de forma seletiva. Este tipo de eventos normalmente representa um investimento forte, quer a nível de preparação, quer a nível monetário (tudo depende do tipo de evento).

Há inclusive eventos gratuitos que podem ser bastante benéficos para o efeito.

Por isso, convém ir aos que verdadeiramente lhe interessam. Um pouco de pesquisa prévia, nomeadamente para saber quem irá estar presente, será suficiente para se inteirar se um determinado evento lhe interessa ou não.

7

Mantenha-se constantemente informado

Esta é uma dica crucial principalmente para o ambiente virtual em que vivemos hoje. Se pensarmos bem, quando alguém aceita fazer parte da sua rede de conexões é porque tem interesse em saber o que há de novo ou relevante na sua área.

Por isso mesmo, procure estar informado sobre as tendências na sua área ou relacionadas com a sua profissão. Para isso é necessário ler, pesquisar e conversar com outros profissionais.

8

Não seja repetitivo e procure aspetos em comum para o seu conteúdo

Numa rede como o LinkedIn, é muito importante que reflita um pouco antes de criar um novo conteúdo para postar. Ou seja, aquilo que queremos dizer é que não basta postar qualquer coisa sem interesse algum, ou estar constantemente a falar do mesmo assunto.

Por exemplo: se estiver sempre a fazer posts sobre a procura de emprego, pode começar a aborrecer os seus contactos. Por isso, o melhor é focar-se em alguns temas que tenham interesse para a sua rede.

Uma boa estratégia que tem vindo a funcionar muito bem é relacionar pequenas histórias da sua carreira ou do seu dia-a-dia com a área profissional. O importante é manter sempre a clareza, educação e um bom sentido de humor também pode ajudar.

Veja também