Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Mónica Carvalho
Mónica Carvalho
22 Mai, 2018 - 10:49

Países europeus com menos turistas: paraísos a descobrir

Mónica Carvalho

Estes países europeus com menos turistas têm uma palavra a dizer no que a atrações diz respeito. Saiba quais são e aproveite umas férias longe das multidões habituais.

Países europeus com menos turistas: paraísos a descobrir

Além das clássicas e famosas capitais, o velho continente tem muitos cantos por descobrir. Saiba quais são os países europeus com menos turistas, mas com tantos encantos que vão surpreender até o turista mais pragmático.

Não é por serem menos conhecidos que estes locais são menos interessantes. Muito pelo contrário. Na lista de países europeus com menos turistas encontrará verdadeiros paraísos que esperam por si e lhe irão proporcionar umas férias inesquecíveis.

10 países europeus com menos turistas que são excelentes destinos

Não são presença habitual nas classificações turísticas, mas revelam-se como países incríveis a conhecer. Saiba quais são os países menos visitados da Europa.

1. San Marino

san marino

Fonte: Max Pixel

San Marino é um micro-estado montanhoso no Norte de Itália, conhecido pela arquitetura histórica de tirar o fôlego e pela existência de uma cidade velha murada medieval, em cerca de 24 quilómetros quadrado e com pouco mais de 33 mil habitantes.

É um dos mais pequenos países do mundo e um dos menos visitados da Europa, mas compensa pelo ambiente que por lá se vivencia.
À vista salta uma paisagem do século XI impecavelmente preservada e uma gastronomia que vai despertar todos os sentidos, com uma grande quantidade de bons vinhos para acompanhar.

2. Bielorrússia

bielorússia

A Bielorrússia tem uma infraestrutura turística pouco desenvolvida e um processo de visto difícil que impede o crescimento do setor do turismo. No entanto, o fato de a Bielorrússia não estar cheia de turistas pode ser atraente para alguns possíveis viajantes.

Todavia, o país oferece vários locais atrativos: o Complexo Mir Castle, o Nezvish Catle e a sede da KGB. Ainda são visíveis os vestígios da arquitetura de estilo estalinista, proporcionando um vislumbre da era soviética.

3. Bósnia e Herzegovina

bósnia e herzegovina

Fonte: Max Pixel

A Bósnia e Herzegovina já fez parte da República da Jugoslávia, mas desde a separação da República que o interesse descaiu para a vizinha Croácia.

Uma das atrações mais populares é Sarajevo, por vezes referida como a Jerusalém europeia devido aos inúmeros centros religiosos localizados: desde uma mesquita islâmica, catedral católica, sinagoga judaica e uma igreja ortodoxa no mesmo bairro. Outras atividades populares incluem a prática de esqui, caminhadas pela margem do rio e viagens para o Mar Adriático.

4. Islândia

islândia

Fonte: Max Pixel

Devido à sua localização longínqua no Oceano Atlântico Norte, a Islândia tem sido muitas vezes negligenciada como um destino turístico, até porque a Islândia passa por longos e escuros dias de inverno e é conhecida pelas temperaturas relativamente baixas. Mas é precisamente nestes fatores que reside o seu encanto.

A paisagem aqui é como em nenhum outro local: vales glaciares, penhascos rochosos, rios, quedas de água, praias de areia preta e inúmeras fontes termais.

5. Liechtenstein

liechtenstein

Fonte: Max Pixel

Lichtenstein é uma micronação localizada entre a Suíça e a Áustria, dentro da cordilheira dos Alpes e uma opção incrível para férias na Europa.

Apesar dpo tamanho, Lichtenstein oferece uma ampla gama de atividades para os turistas, como a prática de esqui, caminhadas, passeios em castelos e ciclismo pela cidade. É o local perfeito para passar o tempo, sem tempo, sentado numa qualquer esplanada e explorando pequenas lojas locais.

6. Luxemburgo

luxemburgo

O turismo no Luxemburgo é, muitas vezes, ofuscado pelos vizinhos mais populares, como Alemanha, França e Bélgica.

No entanto, o Luxemburgo abriga uma grande variedade de atrações que podem preencher os dias de férias de que tanto precisa, principalmente se desejar aventurar-se por viagens de mochila às costas pelas montanhas, até à descoberta de castelos medievais. Este país é também o lar da Catedral Neogótica de Notre Dame e do Grande Palácio Ducal.

7. Macedónia

macedónia

A Macedónia tem recebido cada vez mais turistas, que vão ficando cada vez mais tempo no país.

A Macedónia fez parte do Império Otomano há mais de 500 anos, o que deixou sua marca na região, visível em ruínas arqueológicas de várias influências, incluindo romana, barroca e bizantina. E possui também um contacto próximo com a natureza, devido à existência de vários parques nacionais com desfiladeiros, quedas de água, rios, montanhas, lagos e cavernas.

8. Moldávia

moldávia

A Moldávia também era um país da República Soviética e está situada entre a Roménia e a Ucrânia, sendo destes países a maior parte dos turistas que a visitam.

Mas acredite que vale a pena incluí-lo na sua lista de países a visitar, especialmente para os amantes do vinho, pois é o lar de várias vinhas e adegas. Mas se preferir locais com história, então este país também tem uma larga oferta: desde o complexo arqueológico Old Orhei, ao mais antigo mosteiro do país, chamado Capriana, até ao Museu Memoriei Neamului, criado em homenagem ao movimento de resistência anticomunista do país.

9. Mónaco

mónaco

O Mónaco é a segunda nação mais pequena do mundo e, apesar de ser um destino privilegiado pelos ricos e famosos, ainda é um local pouco visitado pelo turista comum.

É um país atrativo para grandes apostadores, pela existência de várias casas do jogo, e hedonistas desde o início do século XX. Além disso, também é conhecido como um dos paraísos fiscais mais notórios do mundo e por ser a sede do Grande Prémio Anual de Fórmula 1.

Sérvia

sérvia

A Sérvia recebeu recebe turistas essencialmente dos países vizinhos do leste europeu. Mas é um cenário que tem todas as condições para mudar, visto que é um local que disponibiliza várias opções para uns dias de férias de sonhos.

Se gosta de resorts de montanha, cruzeiros no rio Danúbio, gostaria de conhecer o Museu Tesla e fazer passeios pela Fortaleza de Belgrado, então este é o país a visitar.

Veja também: