Publicidade:

Quanto vou receber de IRS em 2019?

Uma forma de prever quanto vai receber de IRS é através da simulação aquando da entrega da declaração, mas pode utilizar outros simuladores. Quer tentar?

Quanto vou receber de IRS em 2019?
Descubra quanto pode receber de IRS

Já começou a época de entrega das declarações de IRS, que este ano se prolonga até dia 30 de junho. E se preenchê-lo lhe pode parecer ser uma complicação, pelo tempo e atenção que exige para verificar se todos os valores estão corretos, a verdade é que esta tarefa também tem um lado positivo: o reembolso do IRS (para os contribuintes que têm direito a ele).

Uma das questões que os contribuintes mais fazem nesta altura é “quanto vou receber de IRS”? Nas próximas linhas dizemos-lhe como pode ficar a saber a resposta para esta pergunta.

Quanto vou receber de IRS: a via tradicional


quanto vou receber de irs

É certo que pode ir pela forma tradicional: ler toda a legislação, apontar todas as regras orçamentais previstas para este ano, pegar numa calculadora, somar todos os rendimentos e subtrair todas as despesas declaradas (aplicando as respetivas taxas de dedução) e depois aplicar a taxa de IRS correspondente ao escalão em que se encontra.

Porém, se não é especialista na matéria há sempre um risco: pode esquecer-se de alguma rubrica ou enganar-se na aplicação das taxas e, nesses casos, o valor que espera vir a receber pode ser substancialmente diferente do montante efetivo.

Quanto vou receber de IRS: simulações


quanto vou receber de irs

Uma forma mais assertiva e simples de saber quanto vai receber de IRS é fazer simulações e aqui tem várias opções.

Não é demais salientar que os simuladores dão apenas resultados aproximados, de acordo com os dados introduzidos. Os valores sugeridos pelos simuladores devem ser tomados como indicativos e não vinculativos. Isto para gerir as suas próprias expectativas.

1. Portal das Finanças

Simulação online quando entrega a declaração

Ao entregar a sua declaração de IRS pode efetuar uma simulação no portal das finanças e saber se vai ter que pagar ou receber, bem como os respetivos montantes.

Para poder fazer esta simulação deve, após preencher a declaração de IRS no seu diretório no Portal das Finanças, gravá-la e validá-la para identificar possíveis erros ou apenas validá-la, caso disponha de IRS automático e esta já esteja previamente preenchida.

Finalmente pode clicar em “simular” para conhecer o montante a receber de IRS. Pode repetir o processo de preenchimento, validação e simulação quantas vezes quiser, antes de decidir submeter definitivamente a sua declaração.

Simulação offline

A Autoridade Tributária também lhe dá a possibilidade de preencher a declaração de IRS e fazer a respetiva simulação offline, desde que descarregue para o seu computador a Declaração Modelo 3. Para isso deve, no Portal das Finanças clicar em em download. Depois de preencher a declaração de IRS pode gravar, validar e simular exatamente como faria se estivesse online.

2. Simulador DECO

A DECO – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor – desenvolveu também um simulador de IRS que além de lhe permitir saber quanto pode receber de IRS, tem outras vantagens: ajuda-o a preencher a declaração e a verificar se está bem preenchida.

3. Simulador Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC)

No caso dos profissionais liberais, por vezes existem mais dúvidas no IRS e nos montantes a receber/pagar, sendo que algumas especificidades podem não ser devidamente cobertas pelos simuladores anteriores.

A pensar nisso, a OCC desenvolveu um simulador dedicado aos profissionais liberais e empresários em nome individual – regime simplificado da categoria B do IRS.

Uma das características relevantes deste simulador é permitir fazer comparações entre o resultado obtido em 2017 e em 2018, considerando as alterações introduzidas pelo Orçamento do Estado em 2018.

O simulador está disponível na versão para a internet, em documento Excel ou num documento com casos práticos.

Quando vai receber o IRS?


Além de saber “quanto vou receber de IRS”, também é importante saber “quando vou receber o reembolso de IRS”.

De acordo com a AT e conforme previsto no artigo 77.º do Código do IRS, até 31 de julho de 2019 será feito o reembolso de IRS a todos os contribuintes que a ele tenham direito. Mas os prazos de reembolso do IRS dependem da data em que cada contribuinte submeteu a sua declaração online.

Alguns contribuintes podem receber o reembolso 11 dias depois de entregar a declaração de IRS.

Veja também:

Catarina Gonçalves Catarina Gonçalves

Catarina Gonçalves é economista, com experiência em finanças, gestão e inovação estratégica. Estudou economia porque queria entender o modus operandi do mundo. Apaixonada pelo conhecimento, das letras às ciências, sem esquecer a música, adora criar, discutir ideias e desenvolver projetos em equipa. Foi coautora de vários livros e colaboradora em diferentes publicações. Acredita que tudo tem um propósito e um tempo certo para acontecer. Coleciona experiências e viagens.

O E-Konomista disponibiliza e atualiza informação, não presta serviços de aconselhamento fiscal, jurídico ou financeiro. O E-Konomista não é proprietário nem responsável pelos produtos e serviços de terceiros apresentados, por conseguinte não será responsável por quaisquer perdas ou danos que possam resultar de quaisquer imprecisões ou omissões. A informação está atualizada até à data apresentada na página e é prestada de forma geral e abstrata, tratando-se de textos meramente informativos, pelo que não constitui qualquer garantia nem dispensa a assistência profissional qualificada. Se pretender sugerir uma atualização, por favor, envie-nos a sua sugestão para: [email protected]mista.pt.