Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
26 Jan, 2019 - 11:58

5 pomadas para candidíase: conheça as mais eficazes

Catarina Milheiro

Existe uma enorme variedade de pomadas para candidíase. No entanto, queremos que fique a conhecer as melhores e mais eficazes no seu tratamento.

5 pomadas para candidíase: conheça as mais eficazes

Procura as melhores pomadas para candidíase? Nós temos a resposta.

Estima-se que a candidíase afete cerca de 75% das mulheres, com pelo menos um episódio durante a sua vida. É importante que saiba como detetá-la e quais as pomadas que deve utilizar no seu tratamento.

Candidíase: o que é?

Resultado de imagem para site e-konomista.pt ginecologista

Antes de mais e para que não fique preocupada com este tipo de infeção, saiba que a candidíase tem tratamento e esse tratamento passa pela utilização de pomadas para candidíase.

A candidíase é uma infeção, que é causada por um fungo do género Candida. Apesar de existirem várias espécies deste fungo, a mais comum é a Candida Albicans.

Por se tratarem de fungos tão comuns, podem causar infeções em diversas partes do nosso organismo. Desta forma, as infeções por candidíase podem ser tanto superficiais como invasivas. O que significa que, quando se tratam de infeções superficiais estas afetam a pele e a mucosa. Quando as infeções são invasivas, afetam normalmente os doentes com algum tipo de debilitação derivada a outra doença.

Para que tenha uma noção, este fungo está presente em cerca de 30% a 55% dos adultos jovens saudáveis, na orofaringe. Para além disto, pode também ser detetado através da flora normal das fezes.

A candidíase genital tem vindo a tornar-se cada vez mais comum, sendo que afeta a vagina ou até mesmo o pénis. Trata-se de um fungo que habita na pele e nos intestinos e que pode, a partir destas zonas, proliferar-se para os órgãos genitais.

Se já ouviu dizer que a candidíase é transmissível por via sexual, deve saber que esta afirmação está errada. A candidíase não é, normalmente, transmitida por via sexual. O fungo que causa a doença faz parte da nossa flora vaginal saudável, estando presente no organismo das mulheres em pequenas quantidades. O que acontece quando a candidíase aparece, é o facto de o nosso organismo estar debilitado e por isso mesmo, permite que o fungo se prolifere e cause e a infeção.

Seja por stress, por baixa imunidade ou outros fatores associados, esta doença acontece frequentemente na mulher porque, como a região genital feminina é mais húmida e quente, faz com que automaticamente a proliferação do fungo seja mais fácil.

Saiba tudo sobre o exame papanicolau >>

Sintomas da candidíase

Antes de lhe falarmos no tratamento da candidíase, que passa pelo uso de pomadas para candidíase, queremos que saiba identificar os sintomas assim que eles aparecerem.

Os sintomas que pode ter na presença de candidíase são os seguintes:

  • ardência ao urinar;
  • ardência na região próxima da entrada da vagina;
  • algum inchaço na zona genital;
  • feridas na região da vagina;
  • dores durante o ato sexual;
  • aumento do corrimento (com aspeto branco e mais espesso).

Na presença de alguns destes sintomas, deve consultar um médico para que tenha a certeza do diagnóstico e saiba qual o melhor tratamento que deve optar por fazer.

Os 5 segredos que deve contar ao ginecologista >>

5 pomadas para candidíase: o melhor tratamento

Existem várias pomadas para candidíase que ajudam no seu tratamento.

O tratamento da candidíase pode depender da localização da infeção, bem como do seu estado. Contudo, baseia-se na utilização de medicamentos antifúngicos.

Estes medicamentos antifúngicos podem ser utilizados sob a forma de pomada ou creme, por via oral ou injetável. Tudo depende do quadro clínico que apresenta.

O conhecimento das melhores pomadas para candidíase é extremamente importante, para que consiga tratar estas infeções que têm sintomas tão incómodos para o seu bem-estar.

Apresentamos as 5 pomadas para candidíase mais eficazes.

1. GINO-CANESTEN (CLOTRIMAZOL)

É uma das pomadas para candidíase mais famosas no mercado. Trata-se de uma pomada para a candidíase genital e vulvovaginal. É um antifúngico utilizado para o tratamento de infeções genitais localizadas na vagina, vulva ou pénis. Esta pomada contém a substância ativa clotrimazol, que irá permitir a eliminação eficaz de um grande número de fungos, responsáveis por várias infeções na pele como a candidíase vaginal.

Esta pomada deve ser utilizada de acordo com as indicações que o seu médico lhe der. Normalmente, a sua utilização passa por um período de 6 dias.

 

Preço: 5,90€. Ver produto >>

2. GYNO-PEVARYL (ECONAZOL)

Trata-se de mais uma das pomadas para candidíase, utilizada para o tratamento da candidíase genital e vulvovaginal. Conforme o folheto informativo do medicamento, o creme deve ser aplicado nas mulheres, através de uma camada fina de creme nas áreas vulvar e anal uma vez por dia à noite durante 3 dias consecutivos.

Nos homens, o modo de administração passa por aplicar o creme na glande e no prepúcio, uma vez ao dia, durante 14 dias consecutivos.

 

Preço: 7,60€. Ver produto >>

3. DERMOFIX (SERTACONAZOL)

É também um creme utilizado no tratamento da candidíase genital e vulvovaginal. Deve aplicar o produto uma ou duas vezes ao dia, preferencialmente à noite ou de manhã e à noite, de uma forma suave e uniforme sobre a lesão.

Deve ter em conta que a duração do tratamento depende de pessoa para pessoa, mas em geral são recomendadas 4 semanas de tratamento para que a infeção seja combatida sem que existam dúvidas.

 

Preço: 3,68€. Ver produto >>

4. LAMISIL (TERBINAFINA)

Esta pomada é utilizada no tratamento da candidíase cutânea. Deve ser aplicada na zona a tratar, aplicando uma camada fina, friccionando de modo ligeiro. A posologia indicada é de 2 a 3 vezes por dia.

É muito importante que esta aplicação seja feita sob a pele limpa e sem feridas presentes. Para além disto, evite o contacto com os olhos.

 

Preço: entre 8 e 11€. Ver produto >>

5. CANESTEN (CLOTRIMAZOL)

A substância ativa desta pomada é o clotrimazol. Este antifúngico permite a eliminação eficaz de um grande número de fungos. É utilizado no tratamento de infeções fúngicas da pele.

Deve ser aplicado também entre 2 a 3 vezes por dia e a sua aplicação é exatamente igual à da pomada descrita em cima.

 

Preço: 4,90€. Ver produto >>

O tratamento da candidíase deve sempre ser aconselhado por um médico. Não deve nunca utilizar medicamentos médicos sem que tenha sido visto primeiramente pelo médico.

Estas pomadas para candidíase são, muitas vezes, as mais aconselhadas no tratamento da candidíase.

Veja também: